Fases da carreira

Fórmula mágica para a obtenção do sucesso não existe.

Fórmula mágica para a obtenção do sucesso não existe. E duvide de quem afirma o contrário. Mas podemos garantir que o caminho para alcançá-lo na área profissional inicia-se pelo planejamento e, claro, pela dedicação. Saber aonde se quer chegar é o primeiro passo para a vida profissional, em seguida está a definição de metas e a ampliação do conhecimento. Cursos de atualização e especialização ajudam a percorrer com mais rapidez, confiança e menos sustos o trajeto idealizado.

Basicamente, uma vida profissional pode ser dividida, analisada e arquitetada em três fases. O desafio está na forma como cada um irá conduzir suas aspirações durante todas elas, a fim de transformá-las numa trajetória bem sucedida.


Dos 20 aos 30 anos

Nesta fase, o foco deve ser a busca por novas experiências. É o momento ideal para demonstrar todo o potencial enquanto profissional, conhecer a fundo a área em que irá atuar, angariar e construir bons contatos no mercado e principalmente, trabalhar. As mudanças de emprego também são comuns e válidas nesse período, mas é preciso seriedade para fazê-las. Saber sair de um ambiente de trabalho é tão ou mais importante do que o tempo de serviço nele prestado. Nessas horas, deixar as portas abertas sempre é uma decisão lúcida e acertada.

Dedicar-se com afinco e bastante comprometimento para garantir a concretização de planos futuros, como a constituição de uma família e a construção de um patrimônio, são pontos que não devem ser esquecidos.

vida profissional

Basicamente, uma carreira profissional pode ser dividida, analisada e arquitetada em três fases.

Dos 31 aos 40 anos

Fase em que as experiências e os conhecimentos adquiridos estarão sendo postos em prática. O profissional já conseguiu demarcar seu espaço no mercado e tem o desafio de consolidá-lo. O ritmo de trabalho não diminui, mas é chegado o momento de voltar a atenção para o aprofundamento teórico. Continue Investindo em cursos, pós-graduações ou mesmo MBAs e não deixe de participar de encontros e congressos interessantes. Estas oportunidades o manterão informado e no curso das inovações da área de atuação escolhida.

A partir dos 41 anos

Os profissionais que conseguiram planejar e executar a contento as duas primeiras fases irão desfrutar os benefícios de uma carreira consolidada e influenciar os demais. Ao contrário do início da trajetória, é preciso avaliar bem antes de decidir mudar de emprego. Mesmo que já se tenha conseguido programar os anos vindouros em termos financeiros, arriscar-se demais nesse período não é aconselhável.

Equilíbrio 

É importante atentar que, mesmo durante todos os anos dedicados à construção de uma carreira profissional, não se pode esquecer de equilibrar o tempo, valorizando também a vida pessoal. Saber aproveitar momentos de lazer com os amigos e com a família, descontração e ócio criativo são essenciais para a manutenção da sanidade física e mental.

Gostou do artigo? Curta e compartilhe com seus amigos nas redes sociais!