desânimo no trabalho

Com o passar do tempo, o entusiasmo inicial com o emprego tende a diminuir

A vida profissional é repleta de desafios diários. Um deles é manter a motivação para realizar as atividades, mas, com o passar do tempo, o entusiasmo inicial com o emprego tende a diminuir. Para evitar a inércia e a acomodação em qualquer cenário, é interessante prestar atenção nos primeiros sinais que evidenciam a estagnação na carreira, situação capaz de influenciar negativamente não apenas os rumos do ofício, como também do relacionamento com a família e amigos.

Para saber se você está desestimulado profissionalmente, é preciso observar a rotina de trabalho. Algumas situações podem auxiliar nessa análise. Se o simples ato de ir ao serviço trouxer uma sensação desagradável ou se você não tiver vontade de exercer as funções do dia a dia, cuidado, este será um sinal de alerta.


Uma dica para descobrir se a desmotivação relaciona-se com a profissão é avaliar o seu comportamento no ambiente de trabalho. O fato de acreditar que não tem algo novo para aprender em sua função é um indicativo de estagnação. Nesse caso, o profissional não consegue enxergar novas perspectivas de aprendizado e, por isso, pensa que sua carreira não pode avançar.

Para sair ou prevenir essa situação, é indicado que se procure novos desafios e objetivos. Visualize as condutas que podem ajudar a alavancar sua vida profissional.

Inicialmente, você poderá fazer um estudo sobre as evoluções de cargos possíveis na área e no local em que atua. Dessa forma, será capaz de planejar uma possível promoção. O importante é que nunca deixe o seu sucesso a cargo da empresa ou do chefe. O próprio profissional é o responsável pelo seu crescimento e aprimoramento em todos os aspectos.

colaborador motivado

Procure novos desafios e objetivos e visualize as condutas que podem ajudar a alavancar sua vida profissional

 

Invista no seu potencial e agarre novas oportunidades

Uma boa forma de conseguir evoluir na carreira e evitar estagnações é buscar novos conhecimentos. Para isso, invista em cursos de aperfeiçoamento e especializações. São eles que irão fornecer ferramentas para novas oportunidades profissionais. Seja proativo e participativo nas decisões em grupo. Entretanto, tenha cuidado com o acúmulo de função e o desgaste desnecessário.

Procure ter a participação ativa nas atividades que tenham o seu perfil. Por isso, tenha em mente que desafios são bons, mas você precisa estar apto para desempenhar todas as tarefas. Uma boa sugestão é participar, sempre que possível, de palestras e cursos para uma melhor gestão de carreira, desenvolvendo novas competências e melhorando a qualidade de vida no ambiente corporativo e fora dele.

Acompanhe mais dicas de motivação e trabalho no blog da SBCoaching.