Por que não mantenho meus relacionamentos?

Você conhece alguma pessoa que é ‘top’ em conquistar pessoas e ao mesmo tempo, um desastre para manter a relação com elas?As competências utilizadas para conquistar são, em alguns aspectos, diferentes das competências para manter as relações.

No post Será que eu sou desagradável?, nós entendemos que para sermos interessantes precisamos parar de falar de nós mesmos e falarmos do que é interessante para as outras pessoas. Essa é uma competência chave para conquistar uma pessoa por exemplo.

Agora, para manter a relação se você só falar do que interessa ao outro e nunca falar de você mesmo… Afirmo sem medo nenhum: essa relação não irá durar… Mas quando eu digo durar, é durar com qualidade… Felicidade! Então 1º aspecto que destaco neste texto é:

“Equilibre a importância e foco dado ao outro e a você”. Outro aspecto muito importante é você saber quantas vezes um emite para o outro, sentimentos, comportamentos, comentários e interpretações positivas ou negativas.

Por que isso é importante?

Uma pesquisa realizada no Departamento de Psicologia da Universidade de Washington, descobriu que para um relacionamento ser saudável é preciso que a quantidade de comentários (comportamentos, sentimentos e interpretações) positivos sobreponha-se aos negativos numa proporção de 20 para 1. Ou seja, durante a interação entre as pessoas, os comportamentos, pensamentos, comentários e as interpretações positivas e superam as negativas numa proporção de 20 para 1.

Assim duas ações imprescindíveis para você que quer ter relacionamentos duradouros e felizes (se você quiser detonar um relacionamento, ou a si mesmo, é só fazer o contrário):

1) “Equilibre a importância e foco dado ao outro e a você”.

2) “Sobreponha os comentários (comportamentos, sentimentos e interpretações) positivos aos negativos numa proporção de 20 para 1

Quer ser feliz? Quer ser feliz nos seus relacionamentos?

Te convido a entrar em ação agora…
Faça acontecer!