mulher homens grupo

As mulheres são mais perceptivas que os homens.

A habilidade feminina para administrar a casa e a família com qualidade tem revelado características gerenciais notáveis para as grandes empresas. Enquanto no ambiente doméstico o espírito protetor e compreensivo é sinônimo de vulnerabilidade, no mundo competitivo moderno é um forte atributo que tem colocado as mulheres em posição estratégica nos negócios.

Aspectos da liderança feminina

Dos pontos de vista psicológico e cognitivo, as mulheres são mais perceptivas que os homens, pois atentam mais facilmente para mudanças de comportamento no ambiente de trabalho –o que dá a oportunidade de reagir de forma rápida e prevenir, por exemplo, indisposições entre funcionários.



No aspecto econômico, geralmente sabem ponderar e planejar medidas que deem lucro em longo prazo. Também possuem facilidade de lidar com o orçamento de maneira prática e sem desperdícios. Pesquisas de universidades americanas mostram que as mulheres tendem a evitar situações de risco – como investimentos sem retorno garantido–, reduzindo as chances de prejuízo. Já no âmbito político, elas conseguem identificar os desejos da equipe e propor metas com as quais todos se envolvam.

Organizações dirigidas por pessoas do sexo feminino tendem a adotar uma postura de gerenciamento flexível e favorável ao feedback e à comunicação interna. Os perfis de liderança são marcados pela interatividade e partilha de poder, com incentivo à participação de colaboradores no processo decisório e estímulos ao desenvolvimento do potencial criativo de cada um, dando a eles a certeza de que as ideias serão benéficas para toda a empresa.

homens mulheres documentos

Como líderes,as mulheres se mostram uma boa escolha para atender às necessidades da sociedade moderna.

A estratégia de gestão é centrada na qualidade – as mulheres preferem investir em uma produção pequena que atenda às expectativas a fazer muitos produtos que não deixarão o público satisfeito –, o que pode proporcionar à companhia uma posição estável no mercado. A busca pelo melhor não as exclui do foco de cobrança: com a própria autoestima elevada e conscientes de suas habilidades, as gestoras sabem interpretar a opinião de terceiros com autocrítica, identificando as contribuições construtivas e as descartáveis.

Conquistando o mercado

Como líderes,as mulheres se mostram uma boa escolha para atender às necessidades da sociedade moderna, que vem adotando cada vez mais uma postura voltada para a otimização de recursos e a preocupação com as futuras gerações.

Atualmente existem programas de empoderamento implantados em vários segmentos de negócios que estimulam não só a inserção das pessoas do sexo feminino em cargos estratégicos, mas também a promoção de cursos para qualificar quem possui pouca formação profissional. Com isso, elas estarão cada vez mais capacitadas para atuar em vários setores, promovendo melhorias econômicas, políticas, financeiras e sociais.