colaboradores inteligência emocional

As organizações estão à procura de colaboradores que apresentem um bom nível de inteligência emocional.

Conhecimento técnico é importante, mas de nada adianta se o profissional não souber lidar com o dia a dia da empresa nem relacionar-se com os colegas de trabalho. Por isso, as organizações estão à procura de colaboradores que apresentem um bom nível de inteligência emocional.

Perfil profissional mais procurado

inteligência emocional

As empresas têm reconhecido a importância da inteligência emocional no ambiente de trabalho como forma de evitar conflitos entre funcionários e ampliar a produtividade da equipe. Quem é emocionalmente inteligente costuma ser mais motivado e determinado. Isso impede que o indivíduo se abale facilmente com situações embaraçosas, como discussões e mudanças bruscas. Além disso, esse tipo de profissional consegue trabalhar em equipe sem dificuldade e sabe reconhecer seus medos e fraquezas.

Aqueles que possuem competências comportamentais como essas obtêm resultados mais positivos para a empresa, porque contagiam todos à sua volta com sua empolgação e capacidade de comunicação. Em meio às dificuldades, são essas pessoas que mantêm a calma necessária para enxergar as melhores soluções.

Dicas para desenvolver sua inteligência emocional

Para ter uma carreira profissional de sucesso, é preciso levar em consideração alguns quesitos:

Primeiro – Empatia

É uma das características mais marcantes nos indivíduos que têm uma inteligência emocional bem desenvolvida. Trata-se da capacidade de entender e respeitar a opinião dos outros. É importante não julgar os colegas precipitadamente. Procure sempre ouvir e apoiar todos aqueles que dividem o ambiente de trabalho com você.

Segundo – Autocontrole

Manter a calma  em situações difíceis e não tomar atitudes precipitadas é uma ótima forma de agir. Trabalhar o autoconhecimento é uma maneira eficiente de controlar impulsos e fortes emoções, como raiva, tristeza ou insegurança.

bom perfil profissional

Quem é emocionalmente inteligente costuma ser mais motivado e determinado.

Terceiro – Contatos

É fundamental saber cultivar relacionamentos profissionais e pessoais. Por isso, mantenha os velhos e conquiste novos amigos e colegas de trabalho. Isso pode ser feito pessoalmente ou nas redes sociais. Procure ser simpático com todos à sua volta.

Quarto – Motivação

Trabalhe com aquilo que você ama e tenha sempre disposição e positividade para enfrentar os problemas do dia a dia. Preserve o seu entusiasmo a todo instante e trate de passar esse sentimento para os colegas no trabalho.

Mas atenção: seguir essas dicas não é tudo! Para ser um excelente profissional, não basta desenvolver sua inteligência emocional, é preciso unir essa característica a aptidões técnicas e, assim, usar toda o seu potencial para atingir os melhores resultados.