Posted in:

As diferenças entre empolgação e motivação

empolgação e motivação no trabalho
Confundir empolgação com motivação é algo cada vez mais comum

Confundir empolgação com motivação

É algo cada vez mais comum, principalmente diante do acesso cada vez mais facilitado às mais variadas informações. Nas mídias sociais, sites, na rua ou na televisão ideias e estímulos atingem muitas pessoas diariamente e indicam a novas tarefas e desejos, que talvez não seja o verdadeiro sonho de cada um desses indivíduos. É a vontade intrínseca  ou extrínseca voltada para  alcançar um objetivo que diferencia a pessoa empolgada da realmente motivada.

A motivação pessoal está relacionada, segundo estudos psiquiátricos, a uma mudança sólida de comportamento. Um estado que é baseado na determinação de um objetivo e da manutenção de foco para alcançá-lo ao longo dos dias. A empolgação, por outro lado, é reconhecida no estágio inicial desse processo e aparece como um ímpeto em direção aos resultados finais. É aquela felicidade do primeiro dia de trabalho, academia, de escola ou de qualquer novidade representativa. Encontrar formas de manter essa empolgação deve fazer parte do dia a dia de quem busca por mudanças efetivas na realidade pessoal e profissional.

É preciso encontrar motivos claros para persistir no objetivo e lidar com as dificuldades cotidianas que aparecem, ou seja, os benefícios que a atividade traz e os prejuízos de não persistir na realização dessa tarefa. Sem isso, a empolgação do primeiro dia de academia sucumbe diante de um dia de chuva, o emprego novo à primeira discussão com o colega de trabalho, a escola à primeira nota baixa.

O idealismo, característico do estágio empolgado, ignora as consequências de uma nova ação. E, por esse motivo, deve ser combinado com a determinação de metas claras e mensuráveis. Mudar é sinônimo de tempo, determinação e esforço. Pequenos e firmes passos são essenciais e precisam ser contabilizados para garantir a sensação de êxito, de objetivo alcançado.

trabalho e motivação
É preciso encontrar motivos claros para persistir no objetivo e lidar com as dificuldades cotidianas que aparecem

Quem você é? Aonde quer chegar? Em quanto tempo? Como? São perguntas simples, mas essenciais para encontrar as verdadeiras razões para prosseguir rumo a conquista de seus objetivos. De acordo com artigos sobre liderança e motivação, encontrando algumas das respostas para essas questões você consegue listar as metas a serem perseguidas.

Nesse caminho, é importante compartilhar os desejos com pessoas de confiança. Amigos, parentes e até os chefes podem ser grandes aliados. Conversar, trocar experiências e conselhos facilitam a busca por estímulos particulares em direção ao novo. As informações devem ser absorvidas e adequadas à realidade individual: características emocionais, conhecimento técnico e métodos.

O equilíbrio na busca por um objetivo está no autoconhecimento. A compreensão de que não existem fórmulas prontas e definitivas para a resolução de conflitos devem ser encaradas como estímulo para a contínua capacitação. Erros e acertos devem ser igualmente encarados como oportunidades para efetivar a real mudança de comportamento.
Gostou do artigo? Curta e compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

 

3 Comentários

Deixe um comentário
  1. O transformador poder das emoções, Esther e Jerry Hicks nos ensinam a lidar com as nossas emoções para que possamos equilibrá-las e alinhá-las com os nossos objetivos.
    Quando aprendemos a reconhecer e a aceitar nossos sentimentos, somos capazes de reagir aos acontecimentos de forma mais sábia e, assim, encontrar o equilíbrio e a felicidade com que sempre sonhamos identificando os conflitos gerados pela falta da identidade das emoções.

  2. Realmente é muito comum confundir empolgação com motivação. Vemos alguma coisa que nos motiva e logo começamos uma atividade nova, pouco tempo depois cai no esquecimento e percebemos que a motivação era na verdade uma empolgação.

    É por isso que como disse meu mestre Vilella da Matta, devemos trocar a “Motivação” por Decisão para alcançar nossos objetivos.

    Decisão vem do Latin e significa Corta.

    Quando você decide por alguma coisa, significa que você corta com qualquer outra possibilidade que não seja aquela.

  3. Sofro muito com minhas emoções,estou muito empolgada pra realizar alguma coisa e passa alguns dias estou total mente sem nenhuma empolgação sofro isso direto sempre o que fazer para melhorar isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *