Para celebrar o dia do Professor, que é comemorado em 15 de outubro, preparamos uma seleção de artigos especiais de nossos colaboradores sobre a importância dos professores para a formação humana.

De hoje até a próxima sexta-feira, você vai conferir histórias sobre o ato de ensinar e aprender, e de como o Coaching é um poderoso aliado à Educação complexa e desafiadora da era digital, que exige muita criatividade, interação e um novo olhar para o sentido de troca de conhecimentos. 

O coach Marinaldo Guedes, reconhecido internacionalmente por seu projeto de fomento à liderança em uma tribo indígena da Amazônia, abre os trabalhos com a sua reflexão sobre o “papel dos Mestres” em nossas vidas. Boa leitura!

MEU MESTRE - Importância dos Professores para a Formação Humana

A importância dos Mestres para a formação humana

MENINO, QUEM FOI TEU MESTRE?

Por Marinaldo Guedes

Passei aqui só para lembrar de uns pequenos detalhes. Somos seres possíveis, hoje, porque tivemos quem nos direcionasse nos conhecimentos. Sei que os méritos são meus, que a inteligência é minha, mesmo assim algo me diz que eu não tinha e, continuo não tendo tudo. Há algo que precisa ser enxergado a cada momento.

As pesquisas científicas indicam que só consigo ter a atenção de apenas 7 coisas de cada vez. Como se processa essa escolha? Sou eu mesmo ou algo precisa ser despertado para que eu veja as dezenas e centenas de outras possibilidades ao meu redor? Ah, meus professores, Rodrigues, Sônia, Socorro e uma que tem o sorriso estampado em minha memória, mas seu nome se dissipou. Se vocês estivessem aqui, certamente teriam a melhor resposta para mais esse momento de descobertas, devaneios e elucubrações.

Não importa o quanto você é reconhecido academicamente, haverá sempre um mestre em nossas memórias. E nelas iremos buscar a leveza da transposição do conhecimento, a inspiração. Essa resiliência, esse novo salto proposto, parece fazer parte do que há de mais imortal em mim. Então, há uma mágica nisso tudo. Menino, quem foi teu mestre? Por anos essa propaganda de infância ecoou em minhas decisões. E eu de alguma forma respondia com atitudes.

Hoje, tendo novos mestres, novas rupturas de paradigmas, novos conhecimentos embarcados. Fui e sou mestre de alguns milhares de seres contemplativos. Muitos desses jamais me esquecerão, não porque eu fiz algo importante para eles, mas com o que fizeram a partir do que os inspirei no pensar. Creio que isso é ser mestre.

Claro que tenho meus ressentimentos. Gostaria de ter tido mestres mais ousados, mais ilimitados, sequestrados do seu Self 1, portanto, libertos para a criatividade. Nem precisava de tantos professores, precisava de mais entrega, de mais possibilidades ofertadas. Sou grato mas não satisfeito. E é nessa insatisfação que faço novas buscas, encontro novos professores.

É o momento de um novo salto de conhecimento, entender que precisamos de novos mestres com habilidades nos ensinar a desaprender e reaprender, por que esse é o nosso novo desafio que se avizinha. Então, professores desse novo milênio, empoderem-se de novas competências e transcendam suas limitações.  Reinventem-se para uma nova geração. Ergam suas bandeiras, sejam de quais matizes forem. Há uma nova batalha a ser entendida e conquistada.

As mudanças vão ocorrer. Estando nós preparados ou não.  Essa preparação, fomentada por nossos mestres, do passado e atuais, nos será bem útil. Podemos ser mais velozes no entendimento da situação e, como afirmou Darwin, seremos bem mais adaptáveis ao meio, portanto, preparados para a sobrevivência em um novo ciclo.

E o professor, mais que em qualquer tempo da história da humanidade, precisa estar repleto do entendimento, não do que sabe, mas do que ainda precisa saber para atingir sua potencialidade máxima. E assim, quando me faltar a inspiração, estarei com essa pergunta perfurando a cortina do tempo, “Menino, quem foi teu mestre?” Sei que tomarei a atitude certa, pela memória de quem acreditou tanto em mim.  E você, menino ou menina, quem foi seu mestre?

Leia mais artigos de Marinaldo Guedes

Compartilhe com a SBCoaching as suas experiências com Educação!

SEMANA DO PROFESSOR

Continue lendo sobre semana do professor:

MEU MESTRE | O VALOR DA RIGOROSIDADE | O VALOR DA EDUCAÇÃO | O VALOR DO AFETO | O VALOR DA GRATIDÃO| PROFESSOR PARTEIRO | PROFESSOR NO MUNDO PERFEITO