Gerenciamento de Crise

Os líderes brasileiros estão vivendo um momento de otimismo sem precedentes na história do País. As empresas veem, em longo prazo, um grande potencial de crescimento em seus negócios, mas, ao mesmo tempo, não possuem estratégias para atuar a curto e médio prazo, como por exemplo, daqui a cinco anos. Novos desafios podem ser assustadores e estressantes, além de gerar inúmeros conflitos dentro da corporação, prejudicando, sobretudo, a liderança.

Coaching e o seu Futuro, Saiba
o que Mudará!
BAIXE 2 PDFs GRATUITOS!

Coaching é a forma mais eficaz de gerenciamento de crise?

Para assessorar os líderes a gerenciar crises, que podem custar caro para a organização, existe um nicho exclusivo, o coaching no conflito, que é altamente recomendado para criar oportunidades para evitar e resolver disputas, eliminando os efeitos tóxicos e melhorando o ambiente de trabalho e as relações interpessoais.

O processo do coaching no conflito tem como objetivo:

  • Identificar metas para gerenciar conflitos de forma eficaz;
  • Determinar e dar os passos necessários para alcançar essas metas;
  • Mudar as práticas atuais, que contribuem para a crise;
  • Refletir sobre a melhor forma que eles reagem e gerenciar o conflito;
  • Substituir as reações inúteis ao conflito por respostas construtivas;
  • Melhorar as habilidades de linguagem e comunicação a fim de interagir e conduzir situações de crise de forma mais eficaz;
  • Reduzir o impacto prejudicial neles e nos outros.

Esse processo exclusivo de desenvolvimento auxiliará os líderes para que eles substituam reações negativas por respostas positivas dentro da organização, assim como vários outros aspectos relacionados à melhoria do gerenciamento de conflitos.