Posted in:

Insight: significado, como acontece e como desenvolver

insight significado como acontece como desenvolver

Você se lembra da última vez que teve um insight?

De repente, uma solução que parecia impossível surge diante dos seus olhos como se fosse a coisa mais óbvia do mundo.

Então, você experimenta um momento “Aha!” e se impressiona com a criatividade da ideia, ao mesmo tempo em que parece absolutamente simples.

A boa notícia é que esses rompantes de iluminação podem ser treinados e favorecidos na sua mente: basta exercitar sua criatividade e mudar algumas atitudes.

Os criativos estão sempre em busca de insights, que no mundo dos negócios podem gerar ideias revolucionárias e disruptivas.

Para além da inovação, os insights são fundamentais para a resolução de problemas e funcionam como um atalho para as melhores soluções.

Felizmente, a ciência desvendou alguns dos principais mecanismos e processos mentais que levam ao insight.

O resultado é que qualquer pessoa pode desenvolver as competências comportamentais necessárias para cultivar as boas ideias, pois não se trata de um talento nato.

No artigo de hoje, você vai descobrir o que há por trás dos insights e como atraí-los em alguns passos:

  • Qual o significado de insight
  • A origem do insight na psicologia
  • Principais vantagens dos insights
  • Os processos mentais que expandem a criatividade
  • Como o coaching auxilia no pensamento criativo
  • As atitudes que atraem os insights
  • Dicas para começar a pensar fora da caixa
  • O coaching como ferramenta de transformação.

Que tal preparar sua mente para ter mais insights e ideias valiosas? É só ler até o final e colocar nossas dicas em prática.

O que significa insight?

insight o que significa

Insight é uma palavra inglesa que significa clareza súbita na mente, capacidade de entender verdades ocultas ou ainda a habilidade de discernir a verdadeira natureza de uma situação.

O termo é originário do escandinavo e baixo alemão, e sua tradução aproximada para o português seria “compreensão interna” ou “apreensão súbita”, podendo ser relacionada também a “discernimento” e “perspicácia”.

Quem criou a palavra foi o psicólogo alemão e teórico linguístico Karl Bühler, conhecido pelo seu trabalho na psicologia da Gestalt.

No mundo dos negócios, o insight é como uma epifania e tem sido usado para descrever o processo de solução de problemas que leva à inovação.

O insight na Psicologia

O insight nasceu no campo da psicologia, no qual começou a ser empregado no século 20 para indicar a consciência do paciente a respeito da anormalidade de seus sintomas.

Na teoria da Gestalt, o insight é definido como um evento cognitivo no qual a relação entre fatores psicológicos dão forma a uma figura compreensível para o sujeito.

Do ponto de vista dos distúrbios psicológicos, a falta do insight é um fator agravante de transtornos como a esquizofrenia e doença bipolar.

Logo, o insight leva ao reconhecimento da doença e benefício do tratamento, sendo crucial para a recuperação nas terapias e análises.

Quais os benefícios do insight?

insight quais beneficios

O poder do insight está na capacidade de encontrar soluções repentinas, passando a enxergar a situação de outro ponto de vista em um estalo.

Ao contrário do processo racional clássico para resolver problemas, que é realizado de forma consciente e deliberada, o fenômeno do insight se manifesta a partir do inconsciente.

Alguns exemplos históricos são o momento “Eureka!” de Arquimedes ao descobrir seu teorema em uma banheira e a maçã caindo na cabeça de Isaac Newton para inspirar sua lei da gravidade.

O mais curioso sobre esses eventos é que a ideia genial surge inesperadamente, sem que a pessoa esteja necessariamente pensando sobre o assunto.

Vários estudos sugerem que há algo mais profundo por trás dos insights, como as pesquisas que indicam o uso mais intenso do hemisfério direito do cérebro durante sua ocorrência.

O artigo Neural Activity When People Solve Verbal Problems with Insight, publicado na revista PLOS Biology, por exemplo, demonstra cientificamente que as atividades cognitivas e neurais do insight se dão em áreas específicas do cérebro.

Nessas áreas, nossa mente é capaz de fazer conexões entre informações muito distantes, levando a uma compreensão avançada.

Seja qual for o mecanismo do insight, seus benefícios são evidentes.

Soluções inovadoras

O insight é o gatilho das soluções inovadoras, pois nos permite resolver qualquer situação imediatamente de forma que nunca havíamos pensado antes.

Grandes ideias que mudam o mundo costumam surgir nesses momentos breves, porém marcantes, de iluminação da consciência.

Exercício da criatividade

Ter insights é um processo cumulativo que melhora nossa criatividade, pois estimula a capacidade de solucionar problemas.

Nos processos de criação e inovação, o insight é a conquista mais valiosa — daí os esforços contínuos para criar as condições propícias ao evento.

Melhora na percepção

O fenômeno do insight parte de uma percepção súbita sobre a natureza das situações e das coisas.

Quando nos tornamos mais conscientes sobre nós mesmos e o mundo ao redor, ampliamos a capacidade de perceber e enxergar sob um novo ponto de vista.

Mais autoconhecimento

A própria palavra insight deriva de inner sight, que pode ser traduzida como uma “visão interior” de si.

Esse autoconhecimento é fundamental para desenvolver as mais variadas competências e solucionar problemas de modo perspicaz.

Afinal, um dos nosso maiores problemas é não ter acesso completo às funções cerebrais mais complexas, e a consciência de si pode expandir esse alcance.  

Como cultivar processos mentais para expandir a criatividade?

insight como cultivar processos mentais expandir criatividade

A criatividade não é um fenômeno misterioso ou quase místico, mas um processo já decifrado e mapeado pela ciência.

Basicamente, trata-se de um processo psíquico que começa com a sensibilidade a determinado problema.

Uma vez sensíveis à situação, passamos a testar mentalmente as hipóteses para resolver a questão, até que chegamos à solução perfeita.

A resposta é considerada criativa quando se mostra realmente útil e assertiva, além de inovadora.

Felizmente, é possível cultivar processos mentais para melhorar esse pensamento criativo, pois não estamos falando de um dom inato ou privilégio de minorias.

De acordo com o livro A Descoberta da Criatividade (Duetto, 2013), o caminho para a criatividade está no desenvolvimento da tomada de decisão, linguagem e memória.

Aqui vão algumas dicas para potencializar seus saltos criativos.

Mantenha a mente aberta

Para adotar o mindset da criatividade, o primeiro passo é abrir a mente, deixando de lado as normas e padrões rígidos que internalizamos para que as novas ideias tenham espaço.

Quando nos focamos apenas no conhecimento acumulado, prejudicamos nossa percepção e tendemos a reproduzir a mesma lógica ininterruptamente.

Desative a autocensura

A autocensura pode ser importante para tomar decisões assertivas e não se deixar levar pelos próprios devaneios, mas é uma das grandes inimigas da criatividade.

Ao menos durante o processo criativo, você precisa desativar esse mecanismo e deixar as ideias fluírem livremente, sem julgamentos.

Às vezes, uma ideia que parece absurda pode se revelar um insight genial.

Por isso, é importante dar asas à imaginação.

Você terá tempo para avaliar a viabilidade e eficiência dessas ideias mais tarde.

Desligue um pouco

Por incrível que pareça, um cérebro relaxado e desfocado pode ser um terreno fértil para insights surpreendentes.

Hoje, nossa tendência é sobrecarregar a mente com uma enxurrada de informações, mas nem sempre isso favorece o processo criativo.

Experimente desligar um pouco, já que a criatividade está associada à redução do controle cognitivo.

Observe com atenção

Ser criativo significa enxergar o mundo de outro ponto de vista, percebendo elementos que outras pessoas simplesmente deixam passar.

Para alcançar esse nível de consciência, comece a observar tudo ao seu redor com absoluta atenção: cores, formas, cheiros e outras propriedades.

Da mesma forma, adote uma visão mais sensível sobre as pessoas, atentando aos comportamentos mais sutis para descobrir suas motivações.

O Coaching no desenvolvimento da criatividade

insight coaching desenvolvimento da criatividade

Como uma metodologia avançada de desenvolvimento humano, o coaching tem muito a oferecer no campo da criatividade.

O foco comportamental do processo permite que você trabalhe elementos fundamentais como a autoconfiança, positividade e motivação, para além de competências técnicas e questões racionais.

Estamos falando justamente de qualidades que não podem ser adquiridas somente com treinamentos e educação formal, pois necessitam de um trabalho mais profundo que envolve a própria consciência.

No processo de coaching, você será guiado em uma viagem de autoconhecimento para reconhecer virtudes e corrigir vulnerabilidades.

Como vimos, a capacidade de ter insights está intimamente ligada à visão de si mesmo e percepção do mundo.

Por isso, é preciso olhar no espelho antes de buscar o conhecimento lá fora.

Para ajudar você a atingir seus objetivos, o coach fará perguntas poderosas que despertam respostas inéditas, que não seriam descobertas de outra forma.

Além disso, o coaching inclui um plano de ação para chegar ao estado desejado, que você seguirá passo a passo com apoio profissional.

Assim, o processo é indicado para todos que desejam explorar sua criatividade e expandir os horizontes, com foco na realização pessoal e profissional.

Quais atitudes favorecem insights?

insight quais atitudes favorecem

Há várias atitudes e comportamentos que favorecem insights, e são muito mais simples do que você imagina.

Acompanhe algumas dicas para potencializar a criatividade.

Valorize o bom humor

Está provado que pessoas bem-humoradas têm maior propensão a resolver problemas por meio de insights.

De acordo com o The Oxford Handbook of Thinking and Reasoning (OUP USA, 2013), o estado mental ideal para ter insights é o mais positivo possível.

Isso ocorre porque o bom humor promove uma atenção mais aguçada e uma consciência ativa.

Pratique a incubação

A incubação é fundamental para estimular os insights, pois reserva um tempo para que nossa mente processe as informações e faça as conexões mais improváveis.

Para começar a praticar essa ideia, não deixe de fazer pausas no seu processo criativo, principalmente quando chegar ao “beco sem saída”.

Durma bem

O sono é outro fator elementar do insight, pois funciona como uma incubação intensiva para o cérebro.

Quando você dorme com uma questão em mente, há grandes chances de que seu inconsciente continue trabalhando na solução.

Trabalhe sozinho

O processo criativo funciona melhor na solidão, pelo menos em seu início.

Você precisa de um tempo consigo mesmo para ter ideias, processar informações e selecionar hipóteses, em um diálogo interno constante.

Depois, você pode recorrer ao famoso brainstorming para sintetizar as ideias em grupo.

Não se estresse

Nem é preciso mencionar que o estresse é um sabotador de insights, por isso você precisa se focar na saúde mental e manutenção da tranquilidade.

A pressão pode funcionar em alguns momentos para acelerar nossa tomada de decisão, mas a criatividade não pode ser domada e controlada dessa forma.

Exemplos de atividades para pensar “fora da caixa”

insight exemplos atividades para pensar fora da caixa

A expressão “pensar fora da caixa” deriva do inglês “thinking outside the box”, que significa pensar de modo inovador, fora do convencional e além dos padrões.

O termo foi criado por consultores de gestão na década de 1970, que desafiavam seus clientes a resolver o famoso jogo dos nove pontos para estimular a criatividade.

No jogo, você precisa ligar nove pontos com apenas quatro linhas retas, sem tirar o lápis do papel, o que exige o exercício do pensamento lateral (não-linear).

A partir dessa tendência, pensar fora da caixa se tornou um clichê de negócios, e continua representando a capacidade de adotar novas perspectivas e cultivar o insight.

Para treinar sua habilidade de sair da caixa, coloque as dicas a seguir em prática.

Abale suas estruturas mentais

Mudar nossa forma de pensar é um grande desafio, mas podemos driblar os códigos internalizados com alguns exercícios.

Para abalar seus padrões de pensamento, experimente mudar a forma de enxergar e utilizar alguns objetos ou o modo de executar tarefas.

Por exemplo, imagine usos alternativos para objetos comuns, pense na composição mais profunda das coisas e tente descrevê-las de outra forma.

Para perturbar seus processos habituais, você também pode simplesmente inverter etapas da sua rotina.

Anote tudo o que puder

Adote o hábito de anotar todas as ideias que tiver e informações que achar interessantes no dia a dia.

Para isso, você pode usar o bom e velho bloco de anotações ou seu aplicativo preferido.

Afinal, você nunca sabe de onde virá o próximo insight, e as boas ideias vêm e vão a todo momento.

Desconstrua seus preconceitos

Esqueça seus preconceitos e tabus, pois eles afastam os insights e prejudicam sua percepção e cognição.

Ao lidar com algo desconhecido, desligue o senso comum e procure compreender da forma mais natural possível, deixando sua mente trabalhar ao invés de recorrer a pensamentos prontos.

Invista no conhecimento

É claro que o insight não é somente uma questão de intuição, pois as grandes ideias se baseiam em informações que você adquiriu em algum momento.

Por isso, você deve ser um eterno aprendiz e investir continuamente em conhecimento, acumulando o máximo que puder para tomar as decisões corretas.

Saia da zona de conforto

Essa parece óbvia, mas é uma das mais difíceis, principalmente porque envolve correr riscos e fazer coisas nas quais não somos bons.

Para produzir insights, você terá que sair da zona de conforto e procurar atividades fora de sua especialidade, conhecer novas culturas e se aventurar em assuntos enigmáticos.

O Coaching como ferramenta de transformação

insight coaching como ferramenta de transformacao

Se todo esse processo parece desafiador, você pode contar com um processo de coaching como ferramenta de transformação.

A metodologia é capaz de transformar vidas porque se foca nas competências comportamentais, elencando as forças a serem lapidadas e fraquezas a serem corrigidas.

Durante o processo de coaching, você seguirá um plano de ação sob medida para chegar onde deseja, com motivação e foco constantes.

Se o seu objetivo é se tornar um ímã de insights e desenvolver a criatividade, o coach saberá traçar o caminho ideal para alcançar esse estado.

Para isso, você terá que desenvolver sua autoconfiança e resiliência, pois os primeiros obstáculos a serem superados estão dentro de nós mesmos.

Felizmente, o coaching possui embasamento científico e ferramentas poderosas para auxiliar você nessa jornada.

Assim, seus objetivos pessoais e profissionais estarão mais próximos do que nunca, e você terá o suporte de um profissional especializado.

Conclusão

insight conclusao

Da psicologia aos negócios, o insight é um conceito que traduz a capacidade de ter grandes ideias, que soam como revelações e surgem inesperadamente.

Hoje, falamos sobre o fenômeno o tempo todo: os insights que tivemos na reunião, os insights que aquele estudo provocou, o insight que surgiu no meio do banho e várias outras situações.

Como vimos, o conceito vai muito além de uma inspiração súbita e possui seus próprios mecanismos cerebrais, que podem ser ativados com as atitudes e processos mentais adequados.

Agora não não há mais mistério por trás dessa palavra, e qualquer pessoa pode desenvolver sua criatividade e passar a ter momentos de epifania com maior frequência do que poderia imaginar.

Para isso, contamos com os avanços da ciência para revelar os segredos das ideias geniais, e ajudar pessoas a inovar e solucionar problemas com mais eficiência.

Se você quer uma solução personalizada para alavancar a criatividade, o coaching é a melhor escolha, pois oferece um caminho exclusivo para alcançar o estado mental desejado.

Com o coaching, você poderá revolucionar a si mesmo e preparar a mente para os insights mais produtivos.

Gostou das dicas deste artigo?

Deixe um comentário e compartilhe em suas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *