Posted in:

Maturidade: o que é, benefícios, dicas e como desenvolver

maturidade o que e beneficios dicas como desenvolver

Se você pudesse medir o seu grau de maturidade, qual desempenho acredita que obteria?

Caso a sua resposta tenha sido dez, a nota máxima, é pouco provável que você seja tão maduro assim. 

Não que estejamos duvidando da sua autoavaliação, não é isso. Mas as pessoas maduras de verdade, nunca se consideram cem por cento prontas, experientes e desenvolvidas.

Até porque, nenhum de nós está totalmente pronto, sempre vão existir alguns pontos passíveis de melhoria e aperfeiçoamento.

Existem ainda aqueles que associam a maturidade à idade ou ao gênero. Vai dizer que você nunca ouviu falar que as mulheres amadurecem mais cedo que os homens?

Mas será que isso tem um fundo de verdade? E em relação a idade, é possível um jovem adolescente ser mais maduro que um adulto?

Bom, essas e outras questões serão respondidas ao longo do artigo. 

Para descobrir as respostas, saber o seu grau de maturidade e muito mais, se liga nesse conteúdo exclusivo que preparamos especialmente para você. 

Boa leitura!

O que é maturidade?

maturidade o que e

Mas, afinal, o que é maturidade? 

O comportamento tem a ver com uma noção maior das responsabilidades que a pessoa carrega. 

Também está diretamente relacionada com a consciência das suas ações e assumir as consequências dos seus atos.

Apesar de não ter ligação direta com o tempo – os indivíduos amadurecem em idades diferentes -, no Brasil, adolescentes a partir dos 18 anos, já são considerados maduros perante à lei. 

A partir da maioridade, os jovens estão aptos a dirigir, ingerir bebidas alcoólicas e responder criminalmente por suas atitudes.

Ainda assim, isso não significa dizer que com essa idade, todos os adolescentes já possuem maturidade suficiente para arcar com essas e outras responsabilidades que a vida adulta traz.

Nada impede, no entanto, que um rapaz menor de idade seja mais maduro que um adulto de 30 anos. 

Tudo depende, na verdade, das experiências que cada um teve e de como reagiu perante a elas.

Crianças que passam por traumas na infância, como a perda dos pais, por exemplo, tendem a amadurecer mais rápido, meio que na marra.

Precisam assumir responsabilidades que, em um primeiro momento, não deveriam ser suas.

Por falar em amadurecer mais rápido, as meninas, realmente, têm essa vantagem evolutiva, podemos chamar assim, em relação aos meninos.

Segundo pesquisa feita pela Universidade de Newcastle, o cérebro das mulheres realiza transformações importantes dez anos antes dos homens.

Qual a importância da maturidade?

Ter maturidade é muito importante, pois trata-se de uma competência que nunca vem sozinha. 

As pessoas maduras conseguem viver a vida em sua plenitude, deixando de lado situações menos importantes e focando no que realmente importa.

A maturidade traz autoconfiança, uma vez que a pessoa passa a ter mais consciência das suas emoções e sabe exatamente o que precisa ser feito em dados momentos. 

Os maduros sabem o que querem e, mais do que isso, o que eles precisam fazer para atingir os seus objetivos. 

Quais os benefícios de ser uma pessoa madura?

maturidade quais beneficios pessoa madura

Ou seja, só há benefícios em ser uma pessoa madura. 

Ou vai dizer que você não gostaria de visualizar um panorama tão claro da sua vida?

E o melhor de tudo é que depende somente de você. 

É evidente que junto com a maturidade vem as responsabilidades, mas quem é maduro de verdade sabe tirar elas de letra.

Com experiência, humildade, ausência de julgamento e uma boa dose de reflexão, a sua maturidade vai poder ser exercida com ainda mais positividade.

Quais as características de quem tem maturidade?

Mas e você, será que é uma pessoa madura? 

Para responder essa pergunta, separamos dez características comuns de quem possui maturidade. 

Veja quantas dessas qualidades batem com as suas e descubra qual é o seu grau:

  • Educação: ter uma postura positiva em discussões, como não gritar e ofender, manter a cordialidade mesmo com pessoas com quem não se dá muito bem e reconhecer um erro, pedindo desculpas são exemplos de atitudes educadas de quem tem maturidade. 
  • Bom senso: determinados ambientes exigem uma adequação na sua maneira de se comportar e até de vestir. Uma pessoa madura não vai ficar conversando em uma biblioteca ou ir com uma camiseta de time de futebol em uma entrevista de emprego.
  • Humildade: é preciso muita maturidade para reconhecer que não tem conhecimento para executar determinada tarefa, por exemplo. Da mesma forma que é necessário humildade para aprender novos saberes. Uma pessoa madura nunca vai se colocar acima dos outros e achar que domina todos os assuntos.
  • Discernimento: o ser humano maduro, baseado em suas experiências de vida, consegue hierarquizar situações do cotidiano, definindo aqueles cenários pelos quais ele precisa ou não enfrentar.
  • Reflexão: nada de agir por impulso. Quem tem maturidade pensa muito antes de tomar qualquer atitude. A pessoa procura avaliar todos os cenários, pesando os prós e os contras até se decidir pela melhor saída.
  • Compreensão: o maduro consegue compreender muito mais o lado do outro. As vitórias e as derrotas são sentidas e compartilhadas em igualdade de condições. Da mesma forma que ele fica feliz pelo sucesso alheio, quem tem maturidade se sensibiliza pelo fracasso também.
  • Honestidade: a mentira não tem vez para os maduros. Independentemente da situação, eles entendem que contar a verdade é sempre a melhor saída. Afinal, é preciso arcar com a consequência dos seus atos, para o bem e para o mal.
  • Proatividade: o discurso é algo muito bonito no papel, mas pessoas com maturidade sabem que é preciso agir e não apenas falar. Nunca se sabe quando as oportunidades vão aparecer, por isso, agarre-as sempre.
  • Sem julgamentos: justamente por saber que não é melhor do que ninguém, os indivíduos maduros não ficam apontando o dedo para os outros. Eles lidam muito bem com as diferenças e se esforçam ao máximo para abrir as suas mentes.
  • Aceitação: se existem coisas que não poder ser mudadas em você mesmo, imagina no resto do mundo, sobretudo sozinho. Ser maduro é aceitar as suas limitações e entender que os seus defeitos fazem parte da sua essência tanto quanto suas qualidades, e não há nada de errado nisso.

Quais as características de pessoas imaturas?

maturidade quais caracteristicas pessoas imaturas

Então, observou se as suas características combinaram com as de pessoas maduras? 

Ou será que elas vão ter mais a ver com os imaturos? 

Chegou a hora de descobrir:

  • Falta de educação: pessoas imaturas gostam de se impor pelo grito, pela imposição física. Além do mais, acham bonito não agradecer, se desculpar ou pedir com licença, pois se acham superiores aos demais.
  • Necessidade de autoafirmação: seja por insegurança, falta de humildade ou qualquer outro fator, os imaturos precisam estar se autoafirmando com frequência. Muito mais importante do que fazer, para eles é contar para os outros seus feitos.
  • Impulsividade: pessoas sem maturidade têm dificuldades em controlar os seus sentimentos e, por isso, são dominadas frequentemente por atitudes impulsivas. Se parecem para refletir por alguns minutos, não tomariam as mesmas medidas.
  • Olha só para o próprio umbigo: quem ainda não amadureceu costuma ver a realidade apenas pela sua própria ótica. Ele não consegue ouvir outras opiniões e consequentemente aprender coisas novas. 
  • Idealização: os imaturos tendem a sonhar muito e romantizar certas situações. Presos ao mundo das ideias, eles possuem dificuldades em colocar o que pensam em prática. Tudo fica somente no discurso e falta ação.
  • Falta de equilíbrio: o sucesso depende do equilíbrio de todas as esferas da vida. No entanto, os imaturos não conseguem perceber isso e acabam planejando muito pouco as suas ações. Tudo é na base da tentativa e erro.
  • Apatia nas relações: a incapacidade de olhar para o outro, acaba levando a uma ausência de solidariedade também. Os imaturos não conseguem enxergar que pessoas próximas e mesmo desconhecidas precisam de um suporte eventualmente.
  • Instabilidade emocional: pessoas com falta de maturidade vivem com os sentimentos à flor da pele e podem explodir a qualquer momento.
  • Mentirinhas do bem: ao contrário do maduro, que prega a honestidade acima de tudo, os imaturos preferem contar certas mentiras para não precisar arcar com a responsabilidade de seus atos.
  • Contrariedade: o imaturo acha que pode mudar tudo e todos. Na teoria, isso é muito bonito – transformar o mundo em um lugar perfeito -, no entanto, sabemos que na prática não funciona bem assim.

Como o Coaching pode ajudar no processo de amadurecimento?

maturidade como coaching pode ajudar processo amadurecimento

Maturidade tem muito a ver com autoconhecimento

Somente aquelas pessoas que se conhecem verdadeiramente tem a capacidade de encontrar dentro de si as respostas para todas as perguntas.

E, além do mais, para ter uma consciência maior das suas responsabilidades e arcar com a consequência de seus atos de forma prática, é necessário trabalhar a sua inteligência emocional.

Quem sabe gerir os seus próprios sentimentos, atinge o processo de amadurecimento mais rapidamente, pois consegue controlar melhor os impulsos da falta de experiência.

Autoconhecimento e inteligência emocional, duas ferramentas muito trabalhadas na metodologia de coaching

Se você quer se tornar uma pessoa mais madura, por que não investir nesse poderoso instrumento de transformação? 

Como ter mais maturidade?

maturidade como ter mais

Algumas pessoas podem pensar que ter maturidade tem a ver com aquela figura mais séria, de cara fechada e que tem dificuldades para se divertir.

Mas, na verdade, não tem nada disso. 

Ser um indivíduo maduro, como vimos, está relacionado com equilíbrio emocional e sensatez para saber lidar com as mais variadas situações. 

Dicas para alcançar a maturidade

maturidade dicas para alcancar

Assumir uma postura mais madura vai trazer resultados positivos para a sua vida pessoal e profissional

Logo, se quer isso para você, coloque as dicas que vem a seguir em prática e prepare-se para evoluir.

Defina objetivos

Uma pessoa não se torna madura e responsável por acaso. 

Ela precisa fazer disso um objetivo de vida e colocar como uma prioridade em sua mente.

Somente o fato de definir uma meta, já coloca para você um norte a ser seguido, o que, por sua vez, o empurra para o amadurecimento.

Pois, uma das principais características de ser uma pessoa madura é justamente saber o que quer e fazer o necessário para se chegar até lá.

Seja persistente

Quando se tem maturidade suficiente, nenhum desafio é difícil o bastante para fazer você desistir. 

Ao contrário daquelas pessoas que não estão preparadas que arranjam qualquer desculpa para cair fora.

Os maduros sabem que, mais cedo ou mais tarde, os seus objetivos vão se realizar. 

Basta dar tempo ao tempo, fazer por onde e nunca deixar de acreditar.

Saiba ouvir

Ninguém é o dono da verdade e saber ouvir o que outro tem a dizer é uma das maiores provas de maturidade que alguém pode dar.

Enquanto muitas pessoas só estão preocupadas em tentar convencer os outros do seu ponto de vista, os mais maduros conseguem deixar a sua mente aberta, pronta para absorver toda e qualquer informação nova relevante. 

Além disso, os bons ouvintes reconhecem no diálogo uma oportunidade de conhecer melhor o outro e compartilhar conhecimento.

Aprenda a se controlar

Por mais difícil que seja tentar controlar os seus impulsos, você deve se esforçar ao máximo para conseguir.

É a tal inteligência emocional que já falamos.

Quando conseguimos gerenciar nossos sentimentos antes que eles motivem nossas ações, evitamos cometer determinadas atitudes pelas quais podemos nos arrepender mais tarde.

A raiva, o medo, a insegurança e outras emoções não podem controlar os seus movimentos. 

Você deve ser o único responsável pelas suas ações.

Respeite as opiniões dos outros

As pessoas pensam diferente uma das outras e quem sabe respeitar essa pluralidade demonstra uma maturidade emocional acima da maioria.

Por isso, se você quer se tornar uma pessoa mais madura precisa abrir um pouco mais a sua mente e não silenciar ninguém. 

Não queremos dizer que você precisa concordar com tudo o que as pessoas falam – até porque maturidade tem a ver com sustentar valores e posicionamentos em que acredita – mas sim garantir o direito de voz que elas têm.

Enfrente os seus medos

Todo mundo tem medo de alguma coisa. 

Nossos anseios fazem parte da natureza humana. O que não pode acontecer é paralisarmos perante esse sentimento.

Uma forma de demonstrar maturidade é enfrentar os nossos medos, pensando neles de uma forma mais racional. 

Assim, podemos analisar se esse temor tem, de fato, fundamento ou não passa de uma crença limitante que nos impede de seguir em frente. 

Assuma as suas responsabilidades

Nenhuma dessas dicas vai ter valido a pena, se você não começar a assumir as responsabilidades pelos seus atos.

Se errou, peça desculpas e reconheça a sua falha. 

Se acertou, parabéns, continue assim e siga fazendo suas próprias coisas, dependendo o mínimo possível dos outros.

É claro que ninguém está pregando que você não peça nunca a ajuda de ninguém, não é isso. 

Mas, para algumas atividades mais corriqueiras, é possível assumir certas obrigações, não é mesmo?

A maturidade emocional e a sua relação com o sucesso

maturidade emocional relacao com sucesso

A maturidade emocional é imprescindível para alcançarmos o sucesso

Por meio dela, é possível encontrar o equilíbrio, seja em nossos sentimentos mesmo, seja em nossas ações.

Afinal, é a harmonia em todos os setores que nos leva às conquistas. Sem falar que o amadurecimento nos prepara para as vitórias e as derrotas.

Ele não deixa que nos abatemos demais quando perdemos e muito menos permite que a soberba se sobressaia quando ganhamos.

Por isso, ao procurar a maturidade emocional, indiretamente, estamos trilhando nossos caminhos em busca dos nossos objetivos. 

O papel do Coaching no desenvolvimento pessoal

A maturidade não é algo que se constrói de uma hora para outra. 

Aquelas qualidades compatíveis com as de pessoas imaturas que vimos no começo do artigo, não desaparecem, assim, do nada.

No entanto, com trabalho, muita dedicação e o suporte do processo de coaching, você pode começar a reverter esse quadro. 

Todos os pontos negativos são passíveis de mudança, basta querer e contar com o apoio certo.

Experimente ver a metodologia de coaching como uma facilitadora, que aproxima você dos seus objetivos.

Por meio dela, é possível alcançar o desenvolvimento pessoal que tanto busca.

Quer saber como? 

Acesse o nosso site e conheça as diferenças possibilidades de formação na área. 

São cursos com abordagens distintas mas com os mesmos objetivos: alcançar resultados incríveis e encontrar a melhor versão de si mesmo. 

Conclusão

Não importa a sua idade, você pode ter 20, 40 ou 60 e ainda assim ser uma pessoa imatura. 

Como vimos, a maturidade não tem a ver, necessariamente com o tempo de vida. 

Trata-se muito mais da qualidade das experiências, do que propriamente da quantidade.

É sempre bom amadurecer mais cedo, embora nunca seja tarde para aprender sobre qualquer coisa. 

Reveja as suas atitudes, descubra como ter mais características em comum com a primeira do que com a segunda lista, siga as nossas dicas e, principalmente, conte com o suporte da principal metodologia de desenvolvimento humano do mundo para se tornar a pessoa que tanto deseja ser.

E aí, achou esse conteúdo relevante? Você se considera uma pessoa com maturidade?

Deixe a sua mensagem no espaço destinado aos comentários, logo abaixo.

Também aproveite para nos contar quanto às suas impressões à respeito do artigo que acabou de ler.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *