coaching e resultados

Qualquer ação que exija o estabelecimento de metas e rotinas claras pode ser efetivada com a ajuda do coaching

Descoberta compartilhada de problemas, definição de métodos para resolução e análise de resultados. As etapas dão uma ideia ligeira sobre a importância do coaching para o desenvolvimento de pessoas, times e empresas. Valorizando o autoconhecimento, o método estimula a mudança de comportamento para o sucesso pessoal e profissional.

As diretrizes do processo estão baseadas na partilha e na confiança entre coach (treinador) e coachee (treinado) na identificação dos conflitos que impedem a conquista dos mais diferentes objetivos. Passar em uma seleção, conquistar um novo cargo, aprender um idioma ou até emagrecer. Qualquer ação que exija o estabelecimento de metas e rotinas claras pode ser efetivada com a ajuda do coaching, sempre de forma personalizada e com foco no resultado.


No mundo competitivo, característico de organizações privadas, saber lidar com os diferentes temperamentos no trabalho em equipe, manter o foco, controlar a ansiedade e administrar o tempo devem fazer parte do comportamento corporativo de quem deseja assumir uma trajetória profissional ascendente. O coaching pode auxiliar o profissional a aliar competência técnica e emocional, para que ele possa ser percebido de forma positiva por colegas de trabalho, gestores e líderes. Uma forma de abrir caminho para a conquista de posições de destaque na empresa.

profissional e o coaching

O coaching pode auxiliar o profissional a aliar competência técnica e emocional, para que ele possa ser percebido de forma positiva

Cada vez mais presente nos planejamentos corporativos, o coaching está diretamente ligado ao desenvolvimento de competências de gestão e liderança. Individual ou aplicado a um grupo, o método estimula a efetiva mudança de comportamento humano nas organizações a partir da compreensão das falhas e anseios. Um processo de aprendizagem comprovado cientificamente e reconhecido pela excelência de sua aplicação.

A divulgação dos benefícios do coaching também provoca o aparecimento de profissionais não qualificados, anunciando formas milagrosas para resolução de conflitos. Contratados, distorcem as metodologias científicas seriamente desempenhadas no Brasil e em países como Inglaterra, Canadá, China, Austrália e Estados Unidos. Difundindo processos aligeirados e sem embasamento teórico e prático, os pseudo-profissionais ampliam as queixas de insatisfação, desmotivação e perda de investimento por parte de clientes ludibriados.

Conhecer a metodologia desenvolvida, quantidade e histórico de clientes atendidos, carga horária e capacidade técnica dos treinadores são alguns dos pontos a serem considerados para a realização de um trabalho bem-sucedido. Para facilitar a busca por profissionais idôneos, vale também observar se o coach possui certificação por instituição reconhecida. Organizações como a Sociedade Brasileira de Coaching oferecem este diferencial aos mais de 7 mil coaches já formados. Exemplo que deve ser considerado antes de realizar um investimento que, além de financeiro, é também emocional e de tempo.