Como anda seu nível de estresse?

sentimentos ruins nao deixe ocuparem grande espaco sua vida
O estresse é uma bomba relógio que pode explodir a qualquer momento em forma de doenças físicas, emocionais ou até mentais.

(Por Sandra Rosenfeld)

Todos nós sabemos que o estresse atrapalha muito a nossa dinâmica de vida. Ele mina a nossa força, tira o nosso ânimo, derruba o nosso sistema imunológico permitindo que resfriados e viroses apareçam constantemente, além de nos deixar instável emocionalmente trazendo danos aos nossos relacionamentos.

Enfim, o estresse é uma bomba relógio que pode explodir a qualquer momento em forma de doenças físicas, emocionais ou até mentais. Ou ainda as três ao mesmo tempo. Prognóstico péssimo, não é mesmo? Porém, contornável se soubermos administrar a forma de lidar com as situações que nos causam estresse.

Há o estresse familiar, o de relacionamento afetivo e o profissional. Pode acontecer da pessoa estar vivendo os três ao mesmo tempo e são situações em que ela não pode mudar, seja porque não tem autonomia no caso profissional, seja porque, independentemente dela, no caso familiar e no afetivo que pode ser, por exemplo, o fim de um casamento que não há mais volta.

Não estou entrando aqui no estresse criado pela própria pessoa, porque isso renderia outro artigo. Estou focando apenas no estresse a que nos vemos submetidos. E este é o tipo de estresse que, se não podemos controlar a causa, devemos encontrar uma maneira de amenizar o impacto em nós mesmos.

Primeiro é importante analisar como observador o que a situação está, de fato, nos causando e em que nível já está o nosso estresse. Alguns são evidenciados, como: dores em geral, problemas digestivos, palpitações, falta de ar, fadiga, desânimo, insônia, confusão mental, esquecimentos, dificuldade de concentração, branco mental, ansiedade, desânimo, irritabilidade, choros, agressividade, sentimento de solidão, vontade de sumir.

Quando se tem vários dos sintomas descritos se faz urgente mudar o quadro para que doenças mais sérias não comecem a aparecer como depressão, síndrome do pânico, pressão arterial alta e até infarto.

Nesse momento algumas perguntas são de grande valia para se criar uma estratégia adequada para modificar o quadro, tais quais:

  • O que posso fazer para mudar a situação? Está em minhas mãos?
  • Que consequências minhas atitudes, para modificar a situação, podem acarretar em mim e nas pessoas envolvidas? Como minimizar essas consequências?
  • Se não tenho como modificar, o que posso fazer para me envolver menos?
  • Será que estou dando a dimensão correta às situações ou estou maximizando os fatos? Será que esta é uma característica minha?
  • Olhando de longe a situação, saindo do olho do furacão, o que de pior pode acontecer? O que posso fazer para lidar ou amenizar as consequências?
  • Preciso passar por tudo isso sozinho(a) ou posso buscar ajuda profissional? Que tipo de ajuda tem mais a ver com minha personalidade?
  • Procuro um coach? Um psicólogo? Um psiquiatra? Ou vou por um caminho mais alternativo que me leve a um relaxamento como yoga e meditação?
equilibrio eomocional
Pode acreditar que quando abraçar a si mesmo, você vai voltar a sorrir para a vida.

Pode acreditar que quando abraçar a si mesmo, olhando como essas situações estão impactando em você, que consequências podem trazer a médio e longo prazo e traçar estratégias para diminuir consideravelmente seu nível de estresse, você vai começar a se sentir mais forte, menos solitário(a) e com esperança.

Você vai voltar a sorrir para si mesmo e para a vida.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também :)

Conheça as vantagens e desvantagens do outsourcing

Empowerment: O Que é, sua Importância nas Empresas e Exemplos

Dinâmica de Apresentação: Como Fazer, Dicas e Exemplos Práticos

Diagrama de Ishikawa: Guia Completo Passo a Passo

O Carnaval chegou… todo cuidado é pouco!

AFINAL, EXISTE UM MODELO DE CORPO PERFEITO?

Materiais Educativos

Como se tornar um Coach de sucesso

Escrito por Villela da Matta, presidente da SBCOACHING, este e-book traz 29 perguntas para alavancar o marketing, as vendas e as estratégias do seu negócio para seu sucesso…

Segredos da Paternidade Positiva

O envolvimento do pai contribui de forma significativa para o crescimento intelectual e mental da criança e a estimula na educação, desenvolvimento de habilidades, interesse etc…

Brian Tracy

Brian Tracy é uma das maiores autoridades em coaching e negócios do mundo: em mais de 30 anos de atuação, passaram por suas palestras e seminários mais de 5 milhões de pessoas. Já atuou como coach e consultor em mais de mil empresas. Autor de dezenas de best-sellers, foi homenageado em 2011 com o Lifetime Achievement Award, concedido pela National Academy of Best Selling Authors. É fundador e CEO da Brian Tracy International, tem uma carreira de sucesso, principalmente nos setores de vendas e marketing, investimentos, desenvolvimento imobiliário, importação, distribuição e consultoria de gestão.

Flora Victória

Flora Victoria é fundadora da Sociedade Brasileira de Coaching, presidente da SBCOACHING Training e Mestre em Psicologia Positiva Aplicada pela University of Pennsylvania. Diretora educacional das empresas do SBCOACHING Group e founding fellow do Institute of Coaching (IOC) – órgão afiliado à Harvard Medical School dedicado ao avanço do coaching, Flora é considerada a maior especialista em psicologia positiva aplicada ao coaching do país. Seu trabalho precursor resultou na criação do primeiro treinamento de positive coaching do Brasil. Pioneira na condução de projetos de pesquisa e comprovação científica do coaching no país, tem contribuído significativamente para consolidar a credibilidade desse processo e estimular seu desenvolvimento no Brasil e no mundo.

Como trainer e master coach, Flora já participou da formação de mais de 45 mil coaches no Brasil. Responsável pelas parcerias internacionais firmadas pela SBCOACHING com instituições globais, Flora tem trazido para o Brasil o que há de melhor e de mais atual no coaching internacional. Flora representa a Sociedade Brasileira de Coaching como membro da Graduate School Alliance for Executive Coaching (GSAEC), instituição especializada no ensino acadêmico do coaching, e da Association for Coaching (AC), credenciadora internacional presente em mais de 50 países.

Escritora de obras que são referência no coaching mundial, Flora é coautora dos livros Personal & Professional Coaching®, Executive & Business Coaching®, Positive Psychology Coaching® e Career Coaching®, entre outros. Em parceria com Brian Tracy e Villela da Matta, escreveu Estratégias Avançadas de Vendas e Engajamento Total. Como parte de sua contribuição para o coaching global, Flora foi convidada a integrar uma equipe internacional cujo objetivo foi discutir e compreender a diversidade do coaching no mundo. Esse trabalho resultou no livro Diversity in Coaching: Working with Gender, Culture, Race and Age, lançado pela Association for Coaching (AC). Como especialista em coaching, negócios, liderança e psicologia positiva, escreve artigos para a Revista SBCOACHING, para a Revista Científica Brasileira de Coaching e para diversos portais.

Com graduações acadêmicas e especializações nas áreas de Governança Corporativa pela Harvard Business School, MBA pela FGV, Marketing pela ESPM e Tecnologia pela USCS, a expert em ciências comportamentais, Flora, aplica seu sólido conhecimento teórico e prático para contribuir com diferentes públicos na conquista de resultados e aumento de realizações.

Com uma experiência organizacional consolidada ao longo de 30 anos, antes de fundar a SBCOACHING Flora foi executiva da Claro e atuou em grandes empresas como Volkswagen, Ford e Bell South, nas áreas de planejamento estratégico, gestão de mudanças, governança corporativa, tecnologia e finanças. À frente da SBCOACHING Training™, dedica-se continuamente a expandir o portfólio de serviços e a elevar cada vez mais a qualidade e a eficácia do coaching.