Network: o que é, para que serve e importância

network o que e para que serve importancia

Você certamente já ouviu falar em network, mas talvez não saiba como colocar o seu em prática.

Esse é mais um estrangeirismo que tomou conta do vocabulário empresarial brasileiro – e não por acaso, dada a sua importância para alavancar a carreira.

Ainda assim, muitas pessoas não sabem exatamente o significado do termo, que vem do inglês.

Há quem até conhece o conceito, mas não tem a exata noção da sua importância no ambiente organizacional e não sabe ao certo por onde começar.

Se você faz parte de um desses dois grupos ou está apenas interessado em ampliar o seu conhecimento sobre o tema, essa é uma ótima oportunidade.

Neste artigo, não vamos apenas explicar o que é network, para que serve e por que ele é tão importante, mas também dar dicas sobre como usufruir dele da melhor forma e evoluir na carreira com a sua ajuda.

Ficou curioso? Então, não perca uma só linha a partir de agora.

Boa leitura!

O que é network?

network o que e

Uma boa forma de descobrir o significado de network é recorrer a um dicionário de língua inglesa e pesquisar sobre o que querem dizer os vocábulos “net” e “work”.

Bom, se você fizer isso vai encontrar que “net” significa “rede” e “work” quer dizer “trabalho”.

Logo, em uma tradução livre, podemos concluir que network nada mais é que um trabalho em rede.

Na prática, é mais ou menos isso mesmo.

As pessoas costumam usar “rede de contatos” como um sinônimo para o termo em inglês.

Ou seja, para ficar bem claro, network é uma rede de pessoas que trocam informações, experiências e conhecimento entre si, gerando benefícios para todos os envolvidos.

Por que o network é importante?

As pessoas não vão a lugar nenhum sozinhas.

Nós nascemos, crescemos e nos desenvolvemos para viver em sociedade, com muita troca e compartilhamento de ideias.

Isso acontece nos mais variados setores da vida e, especialmente no ambiente organizacional, essas conexões se dão por meio do networking.

A partir dessa rede de contatos, é possível chegar mais longe na carreira, atingindo os seus objetivos.

Também empresas devem fazer network, tanto para se aproximar de novos parceiros comerciais, quanto clientes e fornecedores.

Quais os benefícios do network?

network quais beneficios

Para deixar ainda mais evidente a importância do network, fizemos uma lista com alguns dos principais benefícios que um bom quadro de relacionamentos pode oferecer a sua trajetória corporativa.

Vamos a eles:

Para que serve?

O network pode ser resumido como um grande facilitador na obtenção de resultados profissionais e empresariais.

Contar com uma boa rede de contatos, sem dúvidas, pode ser um diferencial competitivo em um mercado no qual as indicações contam muito.

Quando dizemos “um bom network”, não estamos necessariamente falando em quantidade, e sim qualidade.

Mais vale ter poucas conexões, mas relevantes, do que uma lista enorme de contatos de pessoas e empresas com as quais não podemos contar.

Como fazer networking?

network como fazer

Mesmo que você conte com um bom network, nunca é demais dar uma turbinada nessa sua lista de contatos, não é mesmo?

Pensando nisso e também naqueles que não sabem muito bem por onde começar a montar a sua rede, reunimos algumas dicas que podem ajudar.

Vamos a elas!

Participe de eventos corporativos

Sabe aquela máxima que diz que quem não é visto não é lembrado? Pois é, essa lógica funciona bastante aqui.

Afinal, como você vai conhecer novas pessoas – e deixar elas o conhecerem também – se não aparece em eventos corporativos?

Mesmo que você ache um pouco entediante esse tipo de ocasião, tem que se fazer presente.

São nos simpósios, congressos e meetups que as grandes trocas acontecem.

Ou seja, você não pode deixar essas oportunidades passarem.

O seu grande contato pode sentar ao seu lado durante uma exposição prática em um grupo de trabalho.

Ativando seus contatos

Dado esse primeiro passo, você certamente vai encontrar pessoas interessantes e trocar cartões de visita com elas ou até mesmo números de telefone.

No entanto, no dia seguinte ou nos próximos, é preciso ativar esses contatos.

Até porque, às vezes, nós conversamos com tanta gente que acabamos esquecendo quem são algumas dessas pessoas – e o mesmo vale para elas também.

Mais uma vez, o ideal não é focar na quantidade, mas sim na qualidade.

Por isso, priorize aqueles profissionais que você julga mais relevantes, de acordo os seus objetivos.

São aqueles com quem houve uma boa troca de ideias e que você ficou curioso para saber o que têm a falar depois do elevator pitch.

Após o contato inicial durante o evento, mandar um e-mail ou uma mensagem nas redes sociais se apresentando e falando da interação que tiveram são boas alternativas manter a comunicação.

Faça as perguntas certas

network faca as perguntas certas

Muitas pessoas acreditam que, para causar uma boa impressão em seu network, é preciso falar sem parar e tentar demonstrar conhecimento.

Não é bem assim.

É claro que ter domínio sobre o que está dizendo é importante, mas tão ou mais importante que isso é saber ouvir.

Com isso, não queremos dizer que você precisa somente ficar quieto e escutar o que os outros têm a dizer, mas sim buscar o equilíbrio entre o tagarela e o ouvinte.

Uma boa dica nesse sentido é estudar sobre o seu contato, fazer as perguntas certas e demonstrar real interesse naquilo que ele tem a dizer.

Deixe sua rede sempre informada

Quando há alguma novidade em sua vida, você não sai correndo contar para seus amigos?

Com o seu network, não é muito diferente.

É muito importante deixar a sua rede de contatos informada sobre o que você está fazendo: quais são seus projetos atuais, qual especialização está cursando, seus principais clientes e outros dados que achar relevante.

Assim, ao olhar o seu perfil no LinkedIn ou seu portfólio, as pessoas vão ter uma clara ideia do que você está realizando no momento e, assim, poderão ajudá-lo no que for preciso.

Quanto mais atualizações você for fazendo de tempos em tempos, melhor.

Isso mostra a sua dedicação e proatividade em buscar sempre novas experiências.

Outra atitude importante que você pode ter é, na medida em que vai se envolvendo em novos desafios, seguir, nas redes sociais mesmo, perfis de empresas que tenham relação com a sua área de atuação de momento.

Dessa forma, quando essas organizações forem pesquisar sobre você, elas vão ligar os pontos e notar a razão do seu interesse.

Quem sabe aí não surge uma boa parceria?

Como manter a comunicação?

network como manter comunicacao

Tão importante quanto conquistar uma rede de contatos é garantir que ela vai seguir ativa.

Para isso, é preciso manter uma comunicação constante, sem que isso pareça forçado.

Nessa hora, leve em conta as dicas a seguir.

Compartilhe informações

Sempre que você ler um livro, um artigo ou mesmo quando ver um vídeo interessante na internet, compartilhe com sua lista de contatos.

Claro, desde que sejam conteúdos relevantes.

Nada de correntes, mensagens de bom dia ou desejando um ótimo final de semana e imagens bonitinhas de bebês e animais de estimação.

Caso contrário, ao invés de manter a comunicação, você corre o risco de afastar os seus contatos.

Estamos falando de artigos científicos, livros que tenham a ver com a área de atuação da sua rede e podcasts ou documentários sobre assuntos afins aos temas pesquisados em comum.

Para se certificar de que você não vai esquecer de compartilhar essas informações, salve o link da página nos favoritos do seu navegador ou anote um lembrete em algum lugar que costuma olhar com frequência.

Afinal, com uma rotina atribulada, nem sempre há tempo para mandar o conteúdo no exato momento em que o vimos.

Comemore as vitórias corporativas

Enviar mensagens fofas de cãezinhos filhotes dormindo não pega bem.

Agora, deixar um recado comemorando uma promoção ou outro avanço na carreira de seu contato é uma atitude bem positiva.

É uma forma de reconhecer e valorizar o trabalho da pessoa, principalmente se você teve algum tipo de participação nessa conquista.

Mas mesmo que você não tenha nada a ver com a conquista, é importante demonstrar a admiração que sente.

Hoje em dia, as pessoas atualizam constantemente suas redes sociais.

Então, é fácil descobrir quando algo de positivo aconteceu em suas vidas profissionais.

Se você é um pouco mais tímido e não gosta muito de demonstrações públicas de afeto, pode chamar o seu contato no privado para dar os seus cumprimentos.

Agradeça o apoio

network agradeca apoio

Da mesma forma que você pode usar a internet para dar os parabéns a alguém da sua rede por alguma conquista, também pode agradecer por um apoio eventual.

Uma dica que julgue importante, um conteúdo compartilhado que deu a você um insight ou a parceira em alguma produção são mais do que motivos para demonstrar gratidão.

Às vezes, esse auxílio é até involuntário.

A pessoa divide uma experiência ou uma informação porque acredita ser relevante, evidentemente, mas não imagina o impacto que elas podem causar na vida do outro.

Por isso, ela pode até ficar surpresa com o seu reconhecimento e, claro, feliz.

Mas, mais do que isso, pode incentivar que mais atitudes como essa voltem a acontecer, comprovada a sua importância.

Não fique somente no mundo virtual

A verdade é que as redes sociais dominam as nossas relações pessoais e o contato cara a cara foi substituído pelos aplicativos de mensagem online.

É inegável que a tecnologia facilitou o comunicação, principalmente entre pessoas que estão distantes geograficamente.

Mas isso não significa que devemos renegar o convívio do mundo real, vamos chamar assim.

Sair dessa bolha virtual também é importante.

Por isso, sempre que possível, tente marcar encontros pessoalmente com os membros do seu network.

A conversa não precisa ser muito demorada, caso as rotinas estejam corridas.

Apenas um bate-papo leve e descontraído, contando as principais novidades das suas vidas profissionais, já é o suficiente.

Se tiver passando por algum momento decisivo no trabalho, uma segunda opinião também pode ajudar e ninguém melhor do que alguém da sua rede de contar para dar o seu parecer.

Dicas para crescer na carreira com o networking

network dicas para crerscer carreira

Bom, você já sabe como criar ou aumentar a sua rede de contatos e como manter essas relações.

Agora, só falta descobrir como garantir benefícios com o networking.

Vamos lá?

Tenha uma resposta pronta (e boa) para a pergunta: “O que você está fazendo atualmente?”

É trivial, em um bate-papo informal, perguntar para a outra pessoa como está sua vida e o que ela está fazendo atualmente.

Pode até ser por educação, mas também há a possibilidade dela estar, de fato, interessada nos rumos da sua carreira para fazer uma proposta a você.

De qualquer forma, é fundamental responder a esses questionamentos de forma direta, genuína e, se possível, criativa.

Até porque, em casos assim, a tendência é sermos vagos: “ah, está tudo bem, sem muitas novidades.”

Ao agir assim, muito provavelmente você estará espantando qualquer chance de fazer negócio com a outra pessoa.

Tenha um companheiro de networking

Sabe aquele colega com quem você se identifica? Possui uma sintonia e ambos trabalham bem juntos e se entendem só por um olhar?

Pois é, ele pode ser o seu companheiro de networking perfeito.

Além de dar forças um para o outro, essa parceria pode ajudar a resolver uma lacuna que é muito comum no ambiente profissional: a autopromoção.

Muitas pessoas têm dificuldades, seja por vergonha, por não querer parecer arrogante ou outros motivos, de valorizar o próprio trabalho.

No entanto, quando se tem um contato bem próximo, ele pode exercer esse papel para você e vice-versa também.

Assim, as outras pessoas vão ter acesso às suas produções e você não vai correr o risco de ser taxado de exibido ou pedante.

Crie conteúdo

network crie conteudo

Quando você divulga o seu trabalho com seu network, aos poucos, seu prestígio vai crescendo, sobretudo quando um conteúdo exclusivo dentro da sua área de atuação é criado.

Você vai se tornando um especialista em um determinado assunto à medida em que vai pesquisando e publicando mais materiais sobre o tema.

Como consequência, mais e mais pessoas vão começar a procurar você para palestras, consultorias e orientações.

Isso é ótimo, pois mostra o reconhecimento dos outros em relação ao seu trabalho e você merece isso. Então, aproveite.

A única ressalva que fazemos é não parar por aí.

Toda essa valorização profissional pode levar ao comodismo e os primeiros que vão notar isso são os que fazem parte da sua rede de contatos.

O segredo é continuar sempre se atualizando, buscando visões e interpretações diferentes.

Seu networking pode, inclusive, ajudar nesse sentido.

E se você achar que um tema já está muito batido e não tem muito mais para onde ir, não pense duas vezes antes de trocar de área e procurar novos desafios.

Saiba como manter sua network aquecida

Encerrando as dicas neste artigo, resolvemos fazer uma espécie de resumo com os toques mais importantes para você manter a sua network aquecida.

Confira!

  • Mantenha seu portfólio online e perfis nas redes sociais sempre atualizados. No mundo digital de hoje, eles são as nossas principais plataformas de divulgação
  • Procure se aproximar de pessoas com os mesmos interesses profissionais que os seus. A presença em eventos corporativos ajuda nesse primeiro contato
  • Aceite convites do seu network, mesmo sem saber muito o que esperar. Você pode acabar conhecendo outras pessoas importantes e incorporá-las às suas conexões
  • Respeite opiniões contrárias e, sobretudo, suas concorrentes. É a sua reputação que está em jogo e você nunca sabe o dia de amanhã
  • Não se acomode. Por mais que você domine determinado conteúdo, procure sempre mais conhecimento. Isso não é importante apenas para o seu network, mas, sobretudo, para você mesmo.

Como o coaching auxilia no desenvolvimento da network?

Como vimos, a rede de contatos é fundamental para a carreira de qualquer pessoa.

No entanto, precisamos desenvolver certas competências comportamentais para conseguir montar um bom network e também, é claro, para crescer na profissão.

E é exatamente aí que entra a metodologia de coaching: como uma facilitadora para a obtenção de seus objetivos pessoais e, neste caso, profissionais.

Para criar uma lista de contatos ideal, você vai precisar trabalhar habilidades como empatia, motivação, iniciativa e capacidade de comunicação.

Quer saber como chegar lá e conhecer mais sobre a principal metodologia de desenvolvimento humano do mundo?

Então, acesse o site da SBCoaching e tire todas as suas dúvidas.

Conclusão

network conclusao

Convencido da importância de um network consistente para a sua carreira?

Ela pode ajudar e muito a dar aquele empurrãozinho que faltava para você decolar em sua profissão ou mesmo para impulsionar os resultados do negócio.

Com todas as dicas que trouxemos neste artigo, não há mais desculpas para não investir em uma rede de contatos.

Comece a se fazer notar e vá atrás de parcerias que possam transformar a sua vida profissional para muito melhor – como é o caso do coaching.

Diante de tantas dicas, tem alguma que chamou mais a sua atenção ao longo do artigo?

Deixe o seu comentário no espaço abaixo e conte o que você achou sobre este conteúdo que acabou de ler.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também :)

O que é autoeficácia e como ela pode ajudar você

Entenda o que é sincericídio e como ele pode afetar sua vida

Cursos de extensão EAD: Saiba as vantagens de aderir ao sistema

Descubra a importância de desenvolver a autoaceitação

MBA Coaching: Saiba tudo sobre esse tipo de graduação

Aprenda cinco dicas práticas de como desenvolver o autocontrole

Materiais Educativos

Como se tornar um Coach de sucesso

Escrito por Villela da Matta, presidente da SBCOACHING, este e-book traz 29 perguntas para alavancar o marketing, as vendas e as estratégias do seu negócio para seu sucesso…

Segredos da Paternidade Positiva

O envolvimento do pai contribui de forma significativa para o crescimento intelectual e mental da criança e a estimula na educação, desenvolvimento de habilidades, interesse etc…

Brian Tracy

Brian Tracy é uma das maiores autoridades em coaching e negócios do mundo: em mais de 30 anos de atuação, passaram por suas palestras e seminários mais de 5 milhões de pessoas. Já atuou como coach e consultor em mais de mil empresas. Autor de dezenas de best-sellers, foi homenageado em 2011 com o Lifetime Achievement Award, concedido pela National Academy of Best Selling Authors. É fundador e CEO da Brian Tracy International, tem uma carreira de sucesso, principalmente nos setores de vendas e marketing, investimentos, desenvolvimento imobiliário, importação, distribuição e consultoria de gestão.

Flora Victória

Flora Victoria é fundadora da Sociedade Brasileira de Coaching, presidente da SBCOACHING Training e Mestre em Psicologia Positiva Aplicada pela University of Pennsylvania. Diretora educacional das empresas do SBCOACHING Group e founding fellow do Institute of Coaching (IOC) – órgão afiliado à Harvard Medical School dedicado ao avanço do coaching, Flora é considerada a maior especialista em psicologia positiva aplicada ao coaching do país. Seu trabalho precursor resultou na criação do primeiro treinamento de positive coaching do Brasil. Pioneira na condução de projetos de pesquisa e comprovação científica do coaching no país, tem contribuído significativamente para consolidar a credibilidade desse processo e estimular seu desenvolvimento no Brasil e no mundo.

Como trainer e master coach, Flora já participou da formação de mais de 45 mil coaches no Brasil. Responsável pelas parcerias internacionais firmadas pela SBCOACHING com instituições globais, Flora tem trazido para o Brasil o que há de melhor e de mais atual no coaching internacional. Flora representa a Sociedade Brasileira de Coaching como membro da Graduate School Alliance for Executive Coaching (GSAEC), instituição especializada no ensino acadêmico do coaching, e da Association for Coaching (AC), credenciadora internacional presente em mais de 50 países.

Escritora de obras que são referência no coaching mundial, Flora é coautora dos livros Personal & Professional Coaching®, Executive & Business Coaching®, Positive Psychology Coaching® e Career Coaching®, entre outros. Em parceria com Brian Tracy e Villela da Matta, escreveu Estratégias Avançadas de Vendas e Engajamento Total. Como parte de sua contribuição para o coaching global, Flora foi convidada a integrar uma equipe internacional cujo objetivo foi discutir e compreender a diversidade do coaching no mundo. Esse trabalho resultou no livro Diversity in Coaching: Working with Gender, Culture, Race and Age, lançado pela Association for Coaching (AC). Como especialista em coaching, negócios, liderança e psicologia positiva, escreve artigos para a Revista SBCOACHING, para a Revista Científica Brasileira de Coaching e para diversos portais.

Com graduações acadêmicas e especializações nas áreas de Governança Corporativa pela Harvard Business School, MBA pela FGV, Marketing pela ESPM e Tecnologia pela USCS, a expert em ciências comportamentais, Flora, aplica seu sólido conhecimento teórico e prático para contribuir com diferentes públicos na conquista de resultados e aumento de realizações.

Com uma experiência organizacional consolidada ao longo de 30 anos, antes de fundar a SBCOACHING Flora foi executiva da Claro e atuou em grandes empresas como Volkswagen, Ford e Bell South, nas áreas de planejamento estratégico, gestão de mudanças, governança corporativa, tecnologia e finanças. À frente da SBCOACHING Training™, dedica-se continuamente a expandir o portfólio de serviços e a elevar cada vez mais a qualidade e a eficácia do coaching.