Neurocoaching: saiba tudo sobre essa metodologia

neurocoaching saiba tudo sobre essa metodologia

O nome neurocoaching diz o que para você?

A relação entre a metodologia de coaching e a nossa mente é clara, mas há muito mais a saber a respeito.

Todos os traços que definem o nosso comportamento e modo de agir ficam armazenados no cérebro, certo?

Falar de neurocoaching, então, é entender como essas ligações funcionam e de que maneira elas podem ser utilizadas ao nosso favor.

Afinal, todos buscam a realização, mas o que muitas pessoas não se dão conta é que, às vezes, elas mesmas acabam reproduzindo as chamadas crenças limitantes, que impedem que se vá além.

Felizmente, esse tipo de comportamento pode ser trabalhado – e a união entre neurociência e coaching pode dar suporte a esse desenvolvimento.

Ficou curioso para saber mais detalhes sobre essa metodologia?

A dica é seguir a leitura até o final!

O que é neurocoaching?

neurocoaching o que

O neurocoaching é uma junção dos conhecimentos da neurociência com os do coaching.

Até aí, nenhum mistério. Mas o que propõe essa metodologia?

Podemos dizer que ela busca compreender melhor o funcionamento do cérebro e suas conexões com o sistema nervoso central para entender o modo de ser e agir do ser humano.

Em outras palavras, a neurociência se preocupa em estudar os estímulos recebidos, tanto internos quanto externos, nossa capacidade cognitiva, memória e outros aspectos relacionados diretamente com a mente.

Enquanto isso, o coaching lida com questões relacionadas ao comportamento humano, às habilidades e competências que podem ser desenvolvidas a partir de um trabalho focado.

Podemos dizer, então, que o neurocoaching conecta os conhecimentos profundos sobre o cérebro trazidos pela neurociência com os conceitos da metodologia de coaching.

Como funciona o neurocoaching?

Compreendendo melhor como funciona o nosso jeito de pensar, fica mais fácil trabalhar o autoconhecimento.

Ao mesmo tempo, definir estratégias que potencializem competências essenciais para o dia a dia e para que possamos alcançar nossos objetivos.

E é exatamente assim que funciona o neurocoaching.

Para que isso comece a fazer sentido, no entanto, é preciso antes provocar a sua mente, instigando ela a pensar.

O ideal é formular uma série de perguntas, para que o seu cérebro vá atrás desse conhecimento e encontre qual é a alternativa mais eficaz para o momento.

O principal objetivo desse exercício é fazer com que todo o seu sistema nervoso central trabalhe para elaborar saídas mais inteligentes, eficazes e profundas para as situações que aparecerem à sua frente.

Entre os principais ganhos desse tipo de atividade está desenvolver soluções mais rápidas para os problemas que encontrar no seu caminho.

São os chamados insights, que possibilitam enxergar a realidade com outros olhos.

Sua criatividade vai ser aguçada ao tentar encontrar caminhos inovadores para velhos obstáculos.

Sua inteligência emocional também vai ser desenvolvida.

E esse é só o começo de um caminho de desenvolvimento.

Quais são as vantagens do neurocoaching?

Se você pensar que tudo o que fazemos tem alguma relação com o cérebro, é importante saber como esse órgão funciona.

Principalmente quando o assunto são os nossos comportamentos e pensamentos.

Saber como intensificar uma atitude positiva, driblar uma situação de desequilíbrio, ter consciência das suas crenças limitantes e equilibrar suas reações autodestrutivas são ações muito mais eficazes quando se conhece melhor a origem de tudo isso.

Tudo é uma questão de autoconhecimento, portanto.

Alguns estímulos que antes poderiam ser vistos como desafios intransponíveis, com uma abordagem do neurocoaching, podem ser encarados como oportunidades de crescimento.

A própria noção de motivação se transforma.

Ao invés de desanimar perante os obstáculos, cada barreira passa a ser considerada um chance de evoluir e se superar.

Técnicas de neurocoaching

neurocoaching tecnicas

O neurocoaching se baseia em dois princípios básicos: o autoconhecimento e a autoconfiança.

A partir do desenvolvimento dessas duas habilidades, é possível extrair os melhores resultados da metodologia.

Então, vamos aprofundar o conhecimento sobre elas.

Autoconhecimento

A capacidade de se conhecer melhor é a grande força motriz do neurocoaching.

Ao acessar as informações que estão dentro de você, às vezes escondidas no seu subconsciente, é possível encontrar respostas até então impensadas e mesmo entender porque você age de um jeito específico e não de outro em situações diversas.

É uma forma eficaz e segura de se conquistar os seus objetivos.

Também pode representar a certeza de que suas ações são movidas por desejos próprios e não apenas um reflexo do que os outros esperam para você ou desenham para o seu futuro.

É por isso que desenvolver o autoconhecimento é também se empoderar.

Autoconfiança

Com o autoconhecimento, vem a autoconfiança.

Você começa dizer a si mesmo “sim, é possível”, “eu posso”, “não custa nada tentar” – e logo se convence de que realmente é capaz.

Isso só é possível porque você se permitiu olhar para si de uma maneira generosa e entender quem é.

A partir daí, o incremento na confiança surge como uma consequência natural.

Isso porque a pessoa passa a compreender melhor suas habilidades e percebe que nada é tão difícil que não possa ser encarado e superado.

A importância do desenvolvimento pessoal para o crescimento profissional

Por mais que se tente separar o âmbito pessoal do profissional, eles sempre vão estar interligados e influenciam de forma direta um no outro.

Se as coisas não vão muito bem em casa, é quase impossível não levar os problemas para a empresa e vice-versa.

Por isso, se um dos lados for trabalhado, indiretamente você também vai estar trabalhando o outro.

Muitas vezes, uma pessoa que está com dificuldades em seu emprego não consegue enxergar que a raiz da adversidade se encontra na vida privada.

Quem não possui segurança em si mesmo raramente será um profissional de destaque, pois, mais cedo ou mais tarde, seu comportamento sabotador vai aparecer.

Ou seja, manter o equilíbrio é fundamental.

Como o coach pode usar o neurocoaching como ferramenta de desenvolvimento profissional e pessoal?

Não é por acaso que as empresas estão investindo em sessões de coaching e neurocoaching para os seus colaboradores.

A preocupação com o capital humano é uma tendência das principais organizações.

Com o neurocoaching, o coach consegue oferecer o suporte necessário para que o coachee compreenda melhor o funcionamento do seu cérebro.

Como consequência, ele pode promover atitudes mais positivas, que realmente colaborem para o desenvolvimento – seja ele pessoal ou profissional.

Por exemplo, imagine uma pessoa que tem dificuldade em tomar decisões. Cada vez que uma demanda chega na sua mesa são horas e horas para chegar a um veredicto.

Isso é péssimo, pois muitas oportunidades podem ser perdidas com o tempo jogado fora.

Além disso, sempre há situações que exigem instantaneidade.

Com o apoio de um coach, essa realidade pode ser transformada.

A autoconfiança vai ser uma técnica muito trabalhada, que vai auxiliar não só a pessoa a deliberar mais rapidamente, mas também permitir que as decisões sejam tomadas de forma assertiva.

Esse resultado é conseguido através de um trabalho focado no problema e, sobretudo, no lugar em que se deseja chegar.

Nesse trabalho, há sempre um estágio inicial e um estado desejado, que é onde moram os seus objetivos.

Afinal, por que você fica tão nervoso na hora de tomar uma decisão? Será que o problema é a insegurança?

Se a constatação for essa, o neurocoaching vai ser utilizado como apoio para desenvolver competências comportamentais que permitam driblar esse sentimento.

Os benefícios de adotar o neurocoaching podem ser percebidos não apenas na vida profissional ou pessoal, mas em ambas.

Afinal, decisões precisam ser tomadas o tempo inteiro.

Podem ser simples, como qual roupa usar em um encontro ou complicadas, como assinar ou não um contrato com determinado fornecedor.

A grande diferença está em como você lida com elas.

Dependendo do seu comportamento, a dúvida entre um traje social ou esportivo pode tirar o seu sono.

Por que a neurociência aplicada ao coaching garante um desenvolvimento mais eficaz?

neurocoaching por que neurociencia aplicada coaching garante desenvolvimento mais eficaz

Agregar conhecimentos é sempre uma forma de ir além – e essa afirmação ajuda a entender a pergunta acima.

Se a neurociência nos fornece inúmeros dados sobre o nosso cérebro e como ele funciona em diferentes situações, imagine quando essas informações são casadas com técnicas que possuem embasamento científico e que buscam maximizar o potencial de cada indivíduo?

Não é difícil entender por que essa união de conhecimentos tem tudo para dar certo.

Agora, vale lembrar que o determinante para o desenvolvimento assertivo do coaching é o comprometimento do coachee em alcançar os objetivos traçados.

Ou seja, a busca pela realização só depende dele.

Como sempre dizemos, o coach dá indicações do caminho a ser seguido, ajuda a calcular rotas, mas quem realiza a travessia por essa estrada é o coachee.

Neurocoaching e coaching

Você pode estar se perguntando agora sobre qual é o melhor caminho a se seguir para atingir os seus objetivos: o neurocoaching ou coaching.

A resposta é que tudo depende do seu objetivo.

Com o passar dos anos, a metodologia principal se desdobrou em outras tantas.

Tem coaching financeiro, nutricional, executivo e tantas outras derivações.

A segmentação é uma forma de oferecer soluções cada vez mais personalizadas, que realmente façam a diferença na vida das pessoas.

De modo geral, como já comentamos, o coaching é focado no desenvolvimento de competências comportamentais que permitam o crescimento individual, seja no âmbito pessoal ou profissional.

No neurocoaching, isso segue sendo uma verdade.

O que o torna diferente do método convencional é o direcionamento para perguntas que buscam estimular o lado cognitivo.

Isso significa desafiar o próprio cérebro a alcançar o seu máximo.

Também trabalhar para acessar de maneira rápida e eficiente todos os conhecimentos acumulados ao longo dos anos.

Essa é uma forma de permitir que o coachee se torne uma pessoa mais segura.

Curso de neurocoaching

Um curso de neurocoaching vai abordar conceitos ligados à neuroanatomia e neurociência e como eles podem ser trabalhados no coaching.

Quem opta por esse tipo de formação tem acesso a noções teóricas de como o sistema nervoso central é formado, como acontecem as ligações entre nervos, como ocorre a formação dos neurônios, entre outras informações mais técnicas.

Isso serve como plano de fundo para avançar até as lições mais práticas, nas quais os conceitos são aplicados e se transformam em ferramentas de transformação.

Para quem é a formação em neurocoaching?

neurocoaching para quem formacao

Todo mundo que deseja compreender um pouco mais sobre o funcionamento do nosso cérebro e também como o ser humano reage aos impulsos recebidos por ele pode recorrer à formação de neurocoaching.

Profissionais que também desejam ter uma melhoria nos seus resultados e uma realização pessoal mais duradoura podem recorrer ao curso.

Enfim, não existem restrições.

O mais comum, no entanto, é que o curso seja realizado por quem já possui familiaridade com a metodologia de coaching e entende como funciona sua base.

Afinal, se trata de uma especialização dentro da área.

Uma opção, por exemplo, é iniciar pelo Personal & Professional Coaching, um curso desenvolvido para quem está começando na área, e depois se aprofundar nas particularidades do neurocoaching.

Principais habilidades trabalhadas

O curso de neurocoaching trabalha diversas habilidades, inclusive autoconhecimento e autoconfiança, como já vimos.

Mas, além delas, existem outras duas que são tidas como centrais: a flexibilidade e motivação.

Quer entender por quê?

Flexibilidade

Nenhum comportamento é tão poderoso que não possa ser modificado.

Você consegue compreender isso com mais facilidade quando estuda o funcionamento do sistema nervoso.

É possível agir de maneira diferente da habitual quando se trabalha a sua mente para isso.

O resultado é que a pessoa aprende a ser mais flexível quanto aos seus pensamentos – e isso interfere diretamente nas ações da rotina.

Crenças limitantes podem ser eliminadas se olhadas de um outro jeito.

Aquilo que era visto como uma fronteira, um desafio impossível de vencer, pode ser encarado como uma oportunidade de superação e de autoafirmação.

Motivação

Ao encarar as situações cotidianas de maneira diferente, tudo passa a ser visto como motivação. É por isso que as duas habilidades estão tão ligadas.

O que antes era motivo de ficar para baixo e desconfiar do seu potencial, agora é razão para se estimular e acreditar na sua capacidade.

Tudo é uma questão de planejamento e de se preparar para todos os cenários possíveis que podem vir.

E quando algo inusitado acontece, o importante é manter a calma e confiar que você vai conseguir dar um jeito de superar essa nova barreira.

Desenvolvimento do raciocínio

Quando você começa a se questionar e não apenas se contentar com o que é definido, seu cérebro automaticamente trabalha mais para encontrar as respostas certas.

O exercício favorece o desenvolvimento do raciocínio e permite que você maximize o seu potencial.

Seus pensamentos ficam cada vez mais complexos, o que exige ir além para buscar soluções diferentes e criativas.

Seja um coach de excelência

Independentemente do tipo de formação em coaching que você pretende realizar, a busca pela excelência deve ser o seu foco sempre.

Afinal, um profissional de qualidade está em constante atualização, buscando o que o mercado oferece de melhor.

Na SBCoaching, zelar pela qualidade da formação é prioridade.

Não por acaso, já foram mais de 35 mil coaches formados, em torno de de três mil empresas atendidas e mais de cinco milhões de pessoas impactadas no mundo todo.

Para garantir a melhor assistência aos alunos, contamos com uma equipe de 300 profissionais capacitados nas cinco regiões do país.

Todos estão prontos para dar o suporte necessário nas mais diferentes situações.

Nossa parceria com nove instituições internacionais garante o reconhecimento dos nossos cursos aonde você for. Aqui, o seu certificado é levado a sério.

A sua maior dúvida vai ser qual curso escolher, porque opções não faltam – desde o básico até o mais avançado.

Trabalha com vendas e quer aumentar os seus resultados? O curso de Sales Strategies é a melhor pedida.

Está descrente quanto ao futuro da sua carreira? Nada, mesmo fora do trabalho, parece empolgar você?

Quem sabe não é preciso encarar a vida de outra forma, com mais otimismo, por exemplo? O curso sobre Psicologia Positiva vai apresentar um panorama diferente a você.

Agora, se o seu objetivo é desenvolver as suas habilidades como gestor e extrair todo o potencial da sua equipe de colaboradores, o Leader Coach é a formação que você precisa.

Isso para citar apenas algumas das possibilidades.

A nossa dica é acessar a lista completa de cursos e fazer um comparativo entre a oferta e as suas expectativas.

Se ainda ficar aquela dúvida, entre em contato e conte com o nosso suporte especializado.

Conclusão

neurocoaching conclusao

Gostou do nosso artigo sobre neurocoaching?

O método é uma excelente opção para quem deseja aliar conhecimentos da neurociência com as técnicas da metodologia de coaching.

É uma forma de autoconhecimento que vai na origem das suas dificuldades e se preocupa em estimular a cognição para chegar aos tão sonhados objetivos.

Não tem nada de acaso: tudo é construído a partir de técnicas que possuem embasamento científico.

Mesmo para quem não pretende atuar na área, mas procura compreender melhor o comportamento humano e modificar algumas crenças limitantes, essa pode ser uma especialização interessante.

A metodologia é ideal também para aqueles que estão insatisfeitos com a sua posição na carreira ou com alguma situação específica na vida particular.

Que tal dar esse passo e se permitir mudar, fazer diferente?

Lembre-se que a autoconfiança é um dos pilares desse crescimento. Não duvide da sua capacidade.

Mas agora aproveite e nos conte: o que mais chamou a sua atenção sobre o neurocoaching? Você já conhecia a metodologia?

Deixe o seu comentário no espaço abaixo e compartilhe as suas impressões com a gente.

Comentários

Quem leu este post leu também :)

Desenvolvimento de carreira: saiba como o coaching pode te ajudar

Como viver de coaching?

Coaching Generativo: O que é, Como Funciona e Como Aplicar

5 passos de como construir um negócio milionário em coaching

6 passos de como ter um negócio bem-sucedido como coach

Aprenda a viver 100% de coaching: guia completo

Materiais Educativos

Como se tornar um Coach de sucesso

Escrito por Villela da Matta, presidente da SBCOACHING, este e-book traz 29 perguntas para alavancar o marketing, as vendas e as estratégias do seu negócio para seu sucesso…

Segredos da Paternidade Positiva

O envolvimento do pai contribui de forma significativa para o crescimento intelectual e mental da criança e a estimula na educação, desenvolvimento de habilidades, interesse etc…

Brian Tracy

Brian Tracy é uma das maiores autoridades em coaching e negócios do mundo: em mais de 30 anos de atuação, passaram por suas palestras e seminários mais de 5 milhões de pessoas. Já atuou como coach e consultor em mais de mil empresas. Autor de dezenas de best-sellers, foi homenageado em 2011 com o Lifetime Achievement Award, concedido pela National Academy of Best Selling Authors. É fundador e CEO da Brian Tracy International, tem uma carreira de sucesso, principalmente nos setores de vendas e marketing, investimentos, desenvolvimento imobiliário, importação, distribuição e consultoria de gestão.

Flora Victória

Flora Victoria é fundadora da Sociedade Brasileira de Coaching, presidente da SBCOACHING Training e Mestre em Psicologia Positiva Aplicada pela University of Pennsylvania. Diretora educacional das empresas do SBCOACHING Group e founding fellow do Institute of Coaching (IOC) – órgão afiliado à Harvard Medical School dedicado ao avanço do coaching, Flora é considerada a maior especialista em psicologia positiva aplicada ao coaching do país. Seu trabalho precursor resultou na criação do primeiro treinamento de positive coaching do Brasil. Pioneira na condução de projetos de pesquisa e comprovação científica do coaching no país, tem contribuído significativamente para consolidar a credibilidade desse processo e estimular seu desenvolvimento no Brasil e no mundo.

Como trainer e master coach, Flora já participou da formação de mais de 45 mil coaches no Brasil. Responsável pelas parcerias internacionais firmadas pela SBCOACHING com instituições globais, Flora tem trazido para o Brasil o que há de melhor e de mais atual no coaching internacional. Flora representa a Sociedade Brasileira de Coaching como membro da Graduate School Alliance for Executive Coaching (GSAEC), instituição especializada no ensino acadêmico do coaching, e da Association for Coaching (AC), credenciadora internacional presente em mais de 50 países.

Escritora de obras que são referência no coaching mundial, Flora é coautora dos livros Personal & Professional Coaching®, Executive & Business Coaching®, Positive Psychology Coaching® e Career Coaching®, entre outros. Em parceria com Brian Tracy e Villela da Matta, escreveu Estratégias Avançadas de Vendas e Engajamento Total. Como parte de sua contribuição para o coaching global, Flora foi convidada a integrar uma equipe internacional cujo objetivo foi discutir e compreender a diversidade do coaching no mundo. Esse trabalho resultou no livro Diversity in Coaching: Working with Gender, Culture, Race and Age, lançado pela Association for Coaching (AC). Como especialista em coaching, negócios, liderança e psicologia positiva, escreve artigos para a Revista SBCOACHING, para a Revista Científica Brasileira de Coaching e para diversos portais.

Com graduações acadêmicas e especializações nas áreas de Governança Corporativa pela Harvard Business School, MBA pela FGV, Marketing pela ESPM e Tecnologia pela USCS, a expert em ciências comportamentais, Flora, aplica seu sólido conhecimento teórico e prático para contribuir com diferentes públicos na conquista de resultados e aumento de realizações.

Com uma experiência organizacional consolidada ao longo de 30 anos, antes de fundar a SBCOACHING Flora foi executiva da Claro e atuou em grandes empresas como Volkswagen, Ford e Bell South, nas áreas de planejamento estratégico, gestão de mudanças, governança corporativa, tecnologia e finanças. À frente da SBCOACHING Training™, dedica-se continuamente a expandir o portfólio de serviços e a elevar cada vez mais a qualidade e a eficácia do coaching.