Você pode escolher como reagir

Você pode escolher como reagir - Forçar pensamentos positivos para mudar suas reações pode fazer com que o pensamento torne-se ainda mais resistente.
Forçar pensamentos positivos para mudar suas reações pode fazer com que o pensamento torne-se ainda mais resistente.

(por Mariana Viktor)

Já notou que estamos acostumados a ter reações semelhantes diante de fatos parecidos?

Em muitas circunstâncias isso pode trazer resultados positivos, como quando temos calma pra lidar com pessoas explosivas, ou mantemos a confiança e a proatividade durante fases difíceis. Ter reações favoráveis automatizadas ajuda a simplificar a vida e até a alcançar seus objetivos.

O problema é quando reações que nos prejudicam também estão no piloto automático. Geralmente são comportamentos aprendidos – talvez na infância – para obter o que queríamos ou como meio de autoproteção. Muitas vezes, sem perceber, mantemos esses comportamentos que serviram num determinado momento do passado, mas que hoje podem causar muitos problemas.



Não conversar com estranhos, por exemplo, é recomendável quando somos crianças, mas crescer desconfiando, indiscriminadamente, nos fará perder bons amigos e boas oportunidades. Também pode ser que tenhamos aprendido lá atrás que insistir é o meio mais eficaz de conseguir o que queremos, como adultos, porém, essa atitude pode fechar portas.

Muitos dizem que ”sou assim mesmo e não consigo mudar”. De acordo com o filósofo, escritor e neurocientista americano Sam Harris, ganhador do prêmio PEN/Martha Albrand em 2005, as influências inconscientes seguramente alteram nossos objetivos e comportamentos, o que explica a dificuldade de deixar pra trás um comportamento que não serve mais¹.

Forçar pensamentos positivos para mudar suas reações pode fazer com que o pensamento (e também a reação automática) torne-se ainda mais resistente, conforme este estudo [http://www.spring.org.uk/2009/05/why-thought-suppression-is-counter-productive.php].

Então não há saída?

Claro que há. Novos comportamentos são aprendidos não quando somos criticados ou nós mesmos ficamos chateados com os resultados (foco na vitimização ou cobrança), mas quando tomamos consciência de que uma nova atitude é necessária para evitar mais sofrimento ou alcançar algum objetivo importante (foco na ação positiva). Essa reflexão sobre os efeitos negativos de reações automáticas desfavoráveis e os efeitos positivos de uma nova reação gera uma necessidade emocional que efetivamente conduz à ação. Quando uma nova forma de reagir passa a ser crucial, a mudança fica mais fácil.

O processo de coaching mostra que sempre existem inúmeras possibilidades de novos comportamentos.
O processo de coaching mostra que sempre existem inúmeras possibilidades de novos comportamentos.

O processo de coaching mostra que sempre existem inúmeras possibilidades de novos comportamentos, porque nos ensina a refletir de forma criativa, saindo do círculo vicioso que leva a vitimização, a falta de perspectiva e as resistências.

Veja alguns exemplos de comportamentos negativos que podem estar automatizados e certamente podem ser substituídos por outros, mais positivos:

1. Desanimar e desistir

Eis duas reações que limitam completamente a nossa vida. Se algo que depende apenas de nós não deu certo, foi apenas por falta de tentar da forma adequada. “Não existe fracasso, apenas resultados”, diz Anthony Robbins, famoso escritor e palestrante motivacional.

 

2. Procrastinar

Ocorre quando o que temos a perder parece ser maior do que o que temos a ganhar.

 

 3. Reclamar

Algumas reclamações podem trazer bons resultados, mas o hábito de reclamar de tudo demonstra que aprendemos a prestar atenção apenas no que julgamos serem falhas. O perigo é a “insatisfação eterna”.

 

 

¹(H. Aarts, R. Custers, & H. Marien, 2008. Preparing and motivating behavior outside of awareness. Science 319[5780]: 1639; R. Custers & H. Aarts, 2010. The unconscious will: How the pursuit of goals operates outside of conscious awareness.Science 329 [5987]: 47–50).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também :)

Conheça as vantagens e desvantagens do outsourcing

Empowerment: O Que é, sua Importância nas Empresas e Exemplos

Dinâmica de Apresentação: Como Fazer, Dicas e Exemplos Práticos

Diagrama de Ishikawa: Guia Completo Passo a Passo

O Carnaval chegou… todo cuidado é pouco!

AFINAL, EXISTE UM MODELO DE CORPO PERFEITO?

Materiais Educativos

Como se tornar um Coach de sucesso

Escrito por Villela da Matta, presidente da SBCOACHING, este e-book traz 29 perguntas para alavancar o marketing, as vendas e as estratégias do seu negócio para seu sucesso…

Segredos da Paternidade Positiva

O envolvimento do pai contribui de forma significativa para o crescimento intelectual e mental da criança e a estimula na educação, desenvolvimento de habilidades, interesse etc…

Brian Tracy

Brian Tracy é uma das maiores autoridades em coaching e negócios do mundo: em mais de 30 anos de atuação, passaram por suas palestras e seminários mais de 5 milhões de pessoas. Já atuou como coach e consultor em mais de mil empresas. Autor de dezenas de best-sellers, foi homenageado em 2011 com o Lifetime Achievement Award, concedido pela National Academy of Best Selling Authors. É fundador e CEO da Brian Tracy International, tem uma carreira de sucesso, principalmente nos setores de vendas e marketing, investimentos, desenvolvimento imobiliário, importação, distribuição e consultoria de gestão.

Flora Victória

Flora Victoria é fundadora da Sociedade Brasileira de Coaching, presidente da SBCOACHING Training e Mestre em Psicologia Positiva Aplicada pela University of Pennsylvania. Diretora educacional das empresas do SBCOACHING Group e founding fellow do Institute of Coaching (IOC) – órgão afiliado à Harvard Medical School dedicado ao avanço do coaching, Flora é considerada a maior especialista em psicologia positiva aplicada ao coaching do país. Seu trabalho precursor resultou na criação do primeiro treinamento de positive coaching do Brasil. Pioneira na condução de projetos de pesquisa e comprovação científica do coaching no país, tem contribuído significativamente para consolidar a credibilidade desse processo e estimular seu desenvolvimento no Brasil e no mundo.

Como trainer e master coach, Flora já participou da formação de mais de 45 mil coaches no Brasil. Responsável pelas parcerias internacionais firmadas pela SBCOACHING com instituições globais, Flora tem trazido para o Brasil o que há de melhor e de mais atual no coaching internacional. Flora representa a Sociedade Brasileira de Coaching como membro da Graduate School Alliance for Executive Coaching (GSAEC), instituição especializada no ensino acadêmico do coaching, e da Association for Coaching (AC), credenciadora internacional presente em mais de 50 países.

Escritora de obras que são referência no coaching mundial, Flora é coautora dos livros Personal & Professional Coaching®, Executive & Business Coaching®, Positive Psychology Coaching® e Career Coaching®, entre outros. Em parceria com Brian Tracy e Villela da Matta, escreveu Estratégias Avançadas de Vendas e Engajamento Total. Como parte de sua contribuição para o coaching global, Flora foi convidada a integrar uma equipe internacional cujo objetivo foi discutir e compreender a diversidade do coaching no mundo. Esse trabalho resultou no livro Diversity in Coaching: Working with Gender, Culture, Race and Age, lançado pela Association for Coaching (AC). Como especialista em coaching, negócios, liderança e psicologia positiva, escreve artigos para a Revista SBCOACHING, para a Revista Científica Brasileira de Coaching e para diversos portais.

Com graduações acadêmicas e especializações nas áreas de Governança Corporativa pela Harvard Business School, MBA pela FGV, Marketing pela ESPM e Tecnologia pela USCS, a expert em ciências comportamentais, Flora, aplica seu sólido conhecimento teórico e prático para contribuir com diferentes públicos na conquista de resultados e aumento de realizações.

Com uma experiência organizacional consolidada ao longo de 30 anos, antes de fundar a SBCOACHING Flora foi executiva da Claro e atuou em grandes empresas como Volkswagen, Ford e Bell South, nas áreas de planejamento estratégico, gestão de mudanças, governança corporativa, tecnologia e finanças. À frente da SBCOACHING Training™, dedica-se continuamente a expandir o portfólio de serviços e a elevar cada vez mais a qualidade e a eficácia do coaching.